segunda-feira, 4 de março de 2013

ESCOLA MARIA ARMINDA PEDE SOCORRO.

Escola é furtada três vezes em três dias em Antonina
Gazeta do Povo

Três furtos foram registrados em três dias na Escola Estadual Professora Maria Arminda, em Antonina, no litoral do Paraná, entre sexta-feira (1º) e domingo (3). A comunidade está assustada com a onda de violência e organiza um protesto nesta quarta-feira (6), do qual devem participar pais, alunos, funcionários da instituição, comerciantes e demais moradores da região.
A diretora da escola, Ana Paula Machado Ribeiro, afirmou que fez já vários pedidos à Secretaria de Estado da Educação (Seed) para a contratação de um vigia que passe a noite na escola. “Envio ofícios desde 2011 e até agora não tivemos resposta”, disse a diretora.
Ela assumiu a direção da escola em 2009 e relatou que problemas por conta da falta de segurança na instituição são registrados há pelo menos 15 anos. “A escola sempre foi vítima de assaltos. Se nada for feito, não sabemos o que mais irá acontecer”, destacou Ana Paula.

A Escola Estadual Professora Maria Arminda localiza-se no bairro Batel, em Antonina. Aproximadamente 410 alunos – do 6º ao 9º ano - estudam no local em três períodos.
Furtos
O primeiro furto ocorreu na madrugada de sexta-feira (1º). O portão de ferro da escola foi arrebentado. Celulares confiscados temporariamente dos alunos e pendrives de professores foram levados.
A segunda ocorrência foi registrada na tarde de sábado, por volta das 15h30. Os telhados do corredor e da secretaria foram danificados. Novo furto ocorreu na manhã de domingo, quando a porta da biblioteca e parte da fiação sofreram avarias. A diretora registrou boletim de ocorrência em todos os casos.
Comunidade assustada
A escola está sem internet e os telefones funcionam de maneira precária. A diretora disse que decidiu por não suspender as aulas para não gerar pânico entre a comunidade. “Os alunos estão muito assustados. Os professores estão conversando com eles e explicando a situação. A suspensão poderia gerar pânico”, afirmou Ana Paula.
“O nosso temor é de que os pais deixem de mandar os filhos para a escola ou transfiram-os daqui”, salientou Ana Paula.
A reportagem entrou em contato com a assessoria de imprensa da Seed, por volta das 10h35, e aguarda o retorno.

19 comentários:

  1. Enquanto isso...vamos tratar do problema do asfalto esfarelado; da pintura da câmara; das cargos em comissão; das goteiras nas escolas municipais; do custo astronômico do carnaval; quem está bebendo de mais ou de menos; quem come quem...mas a realidade nos assusta quando o jornal de maior circulação do Paraná posta uma notícia dessas...penso que nos meios policiais civil e militar têm muito filhos da terra que já está da hora de fazerem um rodízio, para trazer pessoas de regiões diferentes que saibam separar o joio do trigo, o saco da segurança pública de Antonina está muito misturado...será que depois de uma reportagem dessa as nossas autoridades constituídas ficaram - como sempre - com cara de paisagem, e nenhuma ação efetiva será realizada?

    "Pequenos pecados são como pequenos ladrões, abrem as portas para os maiores" - Relen Salemberg

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Não culpem a segurança pública, vgr. Polícia Militar e Policia Civil. O "POBREMA" das escola está na negligência e descaso da prefeitura. que não cria estrutura preventiva contra os malandros..... Por um acáucaso, os "ÇÁBIOS" da secretaria de educação conhecem a última da tecnologia moderna, essa coisa chamada ALARME, coisa mais velha do que minha vó ?????????????

      Excluir
    2. Oh..."Çabio", a Escola Maria Arminda é estadual, para de merdejar nesse blogue.

      Excluir
    3. Isso não impede a iniciativa da prefeitura

      Excluir
    4. não é bem assim , esta escola é uma bagunça com professores faltosos e diretora ausente, que saudades da diretora GENECY

      Excluir
  2. no fim do canduca, correu noticia que tinham contratado guarda para as escolas e isso a preço de ouro. será que só o ouro é que se foi e nada de guarda nas escolas????

    PORQUE QUE NÃO COLOCAM ZELADORIA NAS ESCOLAS???? SE NOS PRÉDIOS DA PRAIA ISSO DÁ CERTO E SAI BARATO, PORQUE É QUE NÃO FAZEM A MESMA COISA NAS ESCOLAS????

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. zeladoria não tem mutreta, meu velho. uma das maiores mutretas na prefeitura é essa conversa de empresa de segurança. só não ganha da mutreta das obras...... a prefeitura de nossa terra pode até mudar de nome:- vamos chamá-la de covil..... (o resto é por conta de quem lê.....)

      Excluir
  3. A droga tomou conta da cidade ,e quase todos fazem de conta que tudo caminha bem. o descaso e grande.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. tem que fazer o caps funcionar. já ajudaria um pouco.

      Excluir
  4. TA NA HORA DEMUDAR ESTES NOSSOS POLICIAIS TANTO CIVIL COMO MILITAR SÃO TODOS CONHECIDO NA CIDADE SERA QUE UNS NOVOS COM CARA DIFERENTE NÃO SERIA MELHOR QUANTO ISSO FICAMOS NO PREJUÍZO FAZENDO BINGOS E OUTRAS COISA PARA AJUDAR A ESCOLA A REPOR SEUS PERTENCES QUE SÃO ROUBADOS ATE QUANDO JA BASTA ESTA MA ADMINISTRAÇÃO MUNICIPAL QUE ESTA AI COM MAIS DE 35 ALUNOS ESPERANDO PARA COMEÇAR A AULA DO EJA NO GIL FERES E O SECRETARIO CHEIO DE PICUINHA SÓ COMEÇA SE TIVER MAIS DE 40 ALUNOS ISTO E UMA VERGONHA MANDA ESTES CARAS SUBIR A CERRA DA ONDE VEIO E NUNCA MAIS PISAR AQUI NESTA TERRA CHAMADA ANTONINA.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. espero que vc não seja professor.

      Excluir
  5. E UMA VERGONHA OQUE O NÚCLEO DE EDUCAÇÃO ESTÃO FAZENDO COM A DIRETORA DO MARIA ARMINDA POR CAUSA DO ROUBO PEDINDO PARA ELA FICAR EM SILENCIO SERA QUE O DELEGADO NÃO VIU OS BOLETIM DE FURTO QUE FOI REGISTRADO NA DELEGACIA OU TEM QUE FALAR DIRETO COM O DELEGADO SÓ SEI QUE JÁ FOI VÁRIOS FURTOS AGORA QUEREM CALAR A DIRETORA QUE TANTO BRIGA PELA ESCOLA A COMUNIDADE NÃO TEM CULPA POR CAUSA DE ALGUM QUE EXISTEM EM QUERER ROUBAR E DANIFICAR A ESCOLA VAMOS APOIAR A DIRETORA E SEUS FUNCIONÁRIO QUE ALI TRABALHAM PARA FAZER UMA ESCOLA DE QUALIDADE.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. espero que vc não seja professor.

      Excluir
  6. no carnaval de 2012 a prefeitura gasto 28 mil (quase seis mil por dia) com "aquela" empresa de segurança.

    esse ano aprefeitura gasto sabe lá quanto com a mesma empresa. Sera que não dava pra prefeitura paga 600 conto por mes pra coloca um vigia no maria arminda????

    ResponderExcluir
  7. OS FUNCIONARIOS TEM QUE DENUNCIAR EM CURITIBA.PARA PROMOTORIA DE JUSTIÇA AO PATRIMONIO PUBLICO. TELEFONE 41 32504000

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. não perca teu tempo, meu amigo.

      Excluir
  8. Maria Arminda 'e de responsabilidade do ESTADO e nao MUNICIPAL

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. pro gov do estadp. Antonina não existe. é a prefeitura que tem que assumir os cuidados necessários para a guarda e a conservação da escola, tanto quanto se fosse do município.
      sabemos qual a respota. Se a prefeitura não se aguenta nem nas próprias pernas, vai se substituir ao Estado?
      respondemos que quem está aqui é a prefeitura. quem ve, SE É QUE VÊ, o que acontece, é a prefeitura. Enquanto isso, quem se ferra é o povo que precisa da escola.

      Excluir
  9. afinal o que foi roubado do colégio, seria importante que a diretota divulga se para que podesse mos denunciar qualquer atitude suspeita

    ResponderExcluir