quarta-feira, 11 de fevereiro de 2015

UTILIDADE PÚBLICA. GREVE DOS PROFESSORES, É PRECISO SEPARAR O JOIO DO TRIGO.


Utilidade Pública:
Invasão do plenário?
A Assembleia é do povo e o povo elegeu seus representantes, por favor não acreditem em absurdos que são falados, estávamos lá, participamos da entrada na ALEP , eu, professora Ári Albuquerque, Agentes Educacionais Anselmo Ferrari de CarvalhoFerrari de Carvalho , Valeria ChiarelliMirail Pereira Pinheiro, Roberto, Patricia Xavier de Castro e milhares de pessoas, éramos educadores pedindo para que nossos direitos adquiridos fossem preservados.
A mídia não pode continuar manipulando as pessoas, éramos educadores pedindo simplesmente por nossos direitos!
A PM não teve sequer trabalho conosco, nos tratou muito bem e agradecemos pelo respeito !
Se existiram pessoas infiltradas e depredaram algo, não foram professores e agentes educacionais!
‪#‎EutÔnaluta‬!‪#‎Agrevecontinua‬
Paula Machado Celso Santos Wistuba, gostaria que 
publicasse no seu blog! 

Por  Tutuca.

Está publicado Ana.
Como já disse, não existem dúvidas quanto ao comportamento ordeiro e legítimo dos professores nesse ato de cidadania.
Se alguém quiser atribuir qualquer tipo de vandalismo à classe dos professores, estaremos sempre atentos a essa tentativa de manipulação.
Como já escrevi , nesse tipo de manifestação fica quase impossível impedir a infiltração de baderneiros profissionais portanto, remunerados, contratados por partidos políticos e muitas vezes por sindicatos, com o objetivo único de promover a desordem e os excessos. 
As fotos abaixo são provas que não iremos encontrar professores promovendo a baderna.
É preciso, nesses casos, separar o joio do trigo.

28 comentários:

  1. Viva os educadores do Paraná.
    Só muito cuidado para não se tornarem massa de manobra de sindicato pelego,baderna é com eles mesmo.
    Depois sentam e negociam o silêncio. Esse filme eu já vi.

    ResponderExcluir
  2. Alguns professores que estiveram na Assembléia Legislativa, já confidenciaram que tem partido(s) político na jogada. A professora Paula, muito lúcida por sinal, da mesma maneira já viu caroço nesse angu.

    ResponderExcluir
  3. Ministro de Educação da dirma mandou professor trabalhar de graça e se quisessem melhor salário que fossem procurar escolas particulares. Alguém viu por aí alguma nota de repúdio desse atuante sindicato. NÃOOOOO!
    Então tá certo pois essa nota nunca existiu. FORÇA NA PERUCA.

    ResponderExcluir
  4. CARACA MULEKI!!! Tem certeza que isso aí é greve de professor ???? Pelas foto tá mais com cara de rebelião no AHÚ.

    ResponderExcluir
  5. Eu quero um sindicato pra chamar de meuuuuu.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. NÃO QUEIRA!!. SAO TODOS PELEGOS DO PT !!!

      Excluir
  6. A ESCOLA É EXTENSÃO DA FAMILIA....
    INFELIZMENTE OS PROFESSORES SÃO TRATADOS COMO PÁRIAS PELO ESTADO PRA CUIDAR DE ALUNOS, QUASE FILHOS ADOTIVOS NAS ESCOLAS....

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Gostei, meu amigo (a). Os professores são, na verdade, masoquistas. Quando assumem a profissão sabem que serão maltratados de todos os lados:- pelo governo, pelos alunos, pelos pais de alunos...... e tem que guentar esse torpedeamento e ainda ouvir que..... 'nao fazem nada mais do que cumprir a própria obrigação' ..... 'ganham pra isso' (quiospariu!!! já ouvi que professor ganha bem!!!
      ............................
      Em termos de nível de instrução, um professor não poderia ganhar menos do que um oficial da policia militar, ou seja, de tres pra cima.

      Excluir
  7. Para os professores tudo! Para os oportunistas de ocasião nada.

    ResponderExcluir
  8. Uma iniciativa dessas só poderia partir da professora Ana. Parabéns você representa a nossa classe.

    ResponderExcluir
  9. parabens professora ANA PAULA.Tutuca os caras da terrinha mente o fiel ta la no blog se intitulando que a apae fez 2 salas com o dinheiro da appa e terminal mentira 200 mil foi uma multa do ministerio publico que aplicou em cima do terminal, o cara e ligeiro.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. A Mentira sempre teve a perna culta.

      Excluir
  10. Estão destruindo a Petrobrás a maior empresa do Brasil. Os sindicatos? Estão todos com o rabinho entre as pernas. Vermes, pelegos oportunistas e cooptados. Professores exijam a retirada dessa corja de suas manifestações.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Esses trocloditas são todos do PT.

      Excluir
  11. FONTE: http://www.fabiocampana.com.br/2008/10/terminal-do-ponta-do-felix-e-multado-em-r-200-mil/
    Terminal Ponta do Félix multado em R$ 200 mil

    quarta-feira, 22 de outubro de 2008 – 16:07 hs.

    A justiça do trabalho multou os Terminais Portuários da Ponta do Félix (foto) em R$ 200 mil por danos morais em favor do Fundo de Amparo ao Trabalhador. O juiz Murilo Carvalho Sampaio Oliveira, da 2ª Vara do Trabalho de Paranaguá, julgou procedente ação civil pública proposta pelo Ministério Público do Trabalho.

    O Ponta do Félix fica em Antonina e seus atuais proprietários são fundos de pensão, entre eles os de suas estatais paranaenses, a Fundação Copel e a Fundação Sanepar. Em fevereiro, houve confusão porque Eduardo Requião tentava vender o terminal.

    Pela sentença, além de pagar indenização por dano moral, a empresa também não poderá contratar diretamente trabalhadores para o setor de capatazia (operadores de empilhadeira, auxiliares de armazém, conferentes, entre outros), e terá a obrigação de requisitar para o sistema do Órgão Gestor de Mão-de-Obra (OGMO) os trabalhadores portuários registrados e cadastrados, dentre os quais operadores de armazém. A empresa também fica obrigada a realizar rigoroso controle de acesso, tendo como multa diária R$ 5 mil, caso um dos itens seja descumprido.

    “O labor portuário foi totalmente alterado com a instituição do sistema de Órgão Gestor de Mão-de-Obra, a partir da Lei 8.630/93. A intitulada ‘modernização dos portos’ cessou o monopólio da designação (chamada e escalação) dos trabalhadores portuários pelos seus sindicatos, transferindo a gestão da mão-de-obra portuária para um ente específico com finalidade pública, criado para tal fim e composto pelos operadores portuários e pelos avulsos”, explica o juiz em sua sentença. Ele acrescenta que “tal ‘modernização’ traz em sua ontologia a centralização da gestão de todo o trabalho portuário, inclusive a fim de observar a dinâmica singular daquele, notadamente pela multiciplicidade de tomadores de serviços e pela curta duração dos serviços prestados. Cuida-se, portanto, da adoção de um modelo de gestão do trabalho portuário que, retirando poderes dos sindicatos obreiros, inclusive com favorecimentos e hierarquizações abusivas, centralizou a administração dos portuários em um ente gerido pelos próprios operadores portuários”.

    De acordo com a sentença do juiz, o dano moral foi observado porque a empresa agiu em contrariedade ao ordenamento jurídico em dimensão coletiva. “Mesmo que não haja antevisão do agente em prejudicar a coletividade, a opção pela ilicitude, a fim inclusive de obter ganhos econômicos, implica assunção de toda a responsabilidade pelas conseqüências de sua conduta (…).” A decisão explica tratar-se “de conduta ilícita que viola toda a sistemática do trabalho portuário com dimensão coletiva, pois se trata de política de gestão do trabalho do requerido. O bem lesado (modelo de trabalho portuário) atinge, portanto, toda a coletividade dos trabalhadores portuários, caracterizando como violação a direitos e interesses da coletividade”.

    A doação não foi totalmente voluntaria... Foi praticamente imposta....
    Viva a verdade... Viva a democratização da informação... Viva a internet... Viva os Blogs... Viva o blog do Tutuca

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. duzentos mil é uma mixaria pra ponta do felix. e tem outra: vai recorrer da sentença e enrolar um monte. pagar qui é bom..... sei não.... o ponto do felix deve pra caramba ..... é so mais uma.

      Excluir
  12. MUITO BEM PROFESSORA ANA! PARA OS PROFESSORES RESPEITO . PARA OS BADERNEIROS "RIPA"

    eu, professora Ári Albuquerque, Agentes Educacionais Anselmo Ferrari de CarvalhoFerrari de Carvalho , Valeria Chiarelli, Mirail Pereira Pinheiro, Roberto, Patricia Xavier de Castro e milhares de pessoas, éramos educadores pedindo para que nossos direitos adquiridos fossem preservados.
    A mídia não pode continuar manipulando as pessoas, éramos educadores pedindo simplesmente por nossos direitos!
    A PM não teve sequer trabalho conosco, nos tratou muito bem e agradecemos pelo respeito !

    ResponderExcluir
  13. É por isso que a PETEZADA rouba tanto. Manter essa pelegada no cabresto custa caro.

    ResponderExcluir
  14. Tutuca, o velho babão está te provocando lá no blog dele. Pelo jeito tá querendo audiência. Não dê bola.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Estarei, lógicamente respeitando o estatuto do idoso, acionando judicialmente o dito cujo. rsrsrsrr. Levarei sem dó nem piedade, toda a sua coleção de discursos , do Lula, e da dilma. Pedirei também como pagamento por danos morais, as suas fotos do Pizzolato,do Zé Dirceu e do Vicentinho.rsrsrsr

      Excluir
    2. kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk! Não faça isso Wistuba. O velho perderá a razão de viver. Pra piora a situação só se voce pedi a bandera do SIndipetro que ele não usa mais. A Petrobrás na mão do PT tá uma maravilha. kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk.

      Excluir
  15. Meu querido Tutuca estava vendo as imagens, dá prá perceber que todos são professores formados em "Harvard". Ensinam isso aí nas salas de aulas...Meu Deus!!!! Quem será prejudicado enquanto os professores estiverem em greve???

    ResponderExcluir
  16. Senhoras e senhores devido ao fato do grande numero de turistas em nossa cidade resolvi me precaver porem notei que a agua estava um tanto quanto amarelada, por via das duvidas resolvi usas os produtos de piscina que possuo para ver a qualidade dagua e verifiquei que não havia nada de cloro, consultei um amigo que trabalha no samae o qual me falou que a agua esta sendo levada aos moradores como ela é capitada ou seja sem nenhum tratamento é agua do rio pura, e se esta agua estiver contaminada? como ficamos e pra caba mesmo quueerriidddoosss. socorrroooo....se tens duvidas faça o teste vc mesmo.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Quem reclama da água é só mudar pra são paulo....

      Excluir
  17. Olá amigos , agradecemos a todos pelas palavras de incentivo, e esclareço ao anônimo que diz em prejuízo...prejuízo meu caro é o que temos na atualidade, escolas com portes cortados, sem verbas, sem projetos, com muitas precariedade, conquistas que beiravam seus cortes, enfim, passaria horas em relato .
    A greve é pela escola , por nós, por vocês , pelos alunos e pela comunidade.
    Somos formados sim, em boas faculdades e universidades , temos princípios e caráter, uma pena alguns estarem anonimamente infiltrados entre nós e cometer alguns exageros a mando de alguém para tentar denegrir nosso movimento, mas , como já esclareci somos sim EDUCADORES e me orgulho de fazer parte desse movimento e de nossas conquistas com muitas lutas .
    Nas salas de aulas ensinamos nossos alunos a ter respeito, caráter, dignidade, ser cidadão e não massa de manobra, e pode ter certeza meus amigos, que muitas pessoas de BEM passam pelas nossas mãos e nos orgulham a cada dia que passa, eu mesma, tenho muito orgulho de tudo que ao longo dos anos ensinei e vou ensinar nas salas de aula.
    A todos meu carinho, admiração e respeito .
    Deus proteja e ilumine cada um de vocês!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Parabéns Ana. A luta do cidadão que defende os seus direitos, nunca será improdutiva. A classe dos professores agora tem uma legítima representante.

      Excluir
  18. Os professores não fizeram nada de mais em se comportarem de maneira ordeira, fizeram aquilo que era esperado em se tratando de educandos.
    Mas infelizmente nessas ocasiões sempre tem os que por outros motivos acabam aderindo a causa alheia somente para fazer baderna.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. baderna é coisa do PT, eles ganham pra isso.

      Excluir