segunda-feira, 27 de fevereiro de 2017

GOVERNADORA EM EXERCÍCIO PRESTIGIA CARNAVAL DE ANTONINA


A governadora em exercício, Cida Borghetti, acompanhou na noite de domingo (26) o desfile das escolas de samba de Antonina, no Litoral. A festa é uma das mais antigas e tradicionais da região Sul. “Linda festa que tomou as ruas da histórica Antonina. Uma importante tradição, que vem do fim do século 19 com as brincadeiras nas ruas, e hoje se consolida com o desfile das escolas de samba. Parabéns aos organizadores e a população que compareceu mesmo com a chuva”, disse.

Acompanhada do prefeito Zé Paulo e do ministro da Saúde, Ricardo Barros, a governadora em exercício acompanhou todo o desfile. A festa foi transmitida ao vivo para todo o Estado pela E-Paraná. O prefeito Zé Paulo agradeceu a presença da governadora em exercício, Cida Borghetti, e o apoio do Governo do Estado.

CAMPANHAS – Cida Borghetti aproveitou para alertar a importância da campanha contra a exploração sexual de crianças e adolescentes nas estradas. “É muito importante que a população denuncie. Temos que cuidar das nossas crianças e adolescentes. Basta ligar para 181 aqui no Paraná ou disque 100 que é o número da campanha nacional. A ligação é gratuita e com garantia de sigilo das informações e de quem faz a denúncia”, disse.

A campanha do Governo do Estado lançada recentemente conta com vídeo publicitário para TV e redes sociais, folhetos informativos, cartazes e um hotsite com informações sobre o tema (www.paranacontraexploracaosexual.pr.gov.br). Foram veiculados outdoors em 60 pontos das estradas do Estado, especialmente em locais onde foram identificados os pontos mais vulneráveis.

O ministro da Saúde, Ricardo Barros, reforçou a necessidade da população paranaense de combater os focos do mosquito Aedes Aegypti, vetor de transmissão de doenças como a dengue, zika e chikungunya. “A população precisamos ajudar no combate ao mosquito. Basta reservar alguns minutos de um dia da semana para checar sua casa, trabalho ou escola. Eliminando os focos, eliminaremos o mosquito”, disse. http://www.aen.pr.gov.br/modules/noticias/article.php?storyid=92898&tit=Governadora-em-exercicio-prestigia-Carnaval-de-Antonina

quarta-feira, 15 de fevereiro de 2017

UFPR , BOLSAS FANTASMAS.

PF prende 28 pessoas em ação contra desvio de recursos públicos na UFPR 

Adriana Justi e José ViannaDo G1 PR e da RPC

A Polícia Federal (PF) realiza uma operação para combater a prática de desvio de recursos públicos destinados à Universidade Federal do Paraná (UFPR) na manhã desta quarta-feira (15) em cidades do Paraná, Mato Grosso do Sul e Rio de Janeiro. A ação foi batizada de 'Research'.
De acordo com a Polícia Federal, 28 pessoas tinham sido presas até o fim da manhã.
A secretária da pró-reitoria de Planejamento e Orçamento, Tânia Maria Catapan, e Conceição Abadia de Abreu Mendonça, que é chefe do setor de Orçamento e Finanças do mesmo setor, são suspeitas de ser as principais responsáveis pelo desvio de, pelo menos, R$ 7,3 milhões em bolsas de pesquisa para 27 pessoas.
Ambas foram presas pela manhã e tiveram o exercício da função pública suspenso pelo juiz Marcos Josegrei da Silva.
"Há indícios substanciais, portanto, de autoria delitiva direta em relação às servidoras públicas federais CONCEIÇÃO ABADIA DE ABREU MENDONÇA e TÂNIA MARCIA CATAPAN quanto aos desvios de recursos públicos objeto de investigação. A esta altura vale a pena recordar que CONCEIÇÃO MENDONÇA anteriormente já foi denunciada pelas práticas no ano de 2008 dos crimes capitulados nos arts. 312 do CP (peculato) e no art. 89 da Lei nº 8666/93 (fraude em procedimento licitatório)", disse o juiz no despacho em que autorizou as prisões.
Na decisão, o juiz ressaltou ainda que "os processos concessórios das bolsas não foram encontrados e, ao que tudo está a indicar, nem mesmo existiam".

"Os desembolsos eram autorizados pela Instituição de Ensino com base em singelos expedientes que levavam os nomes dos beneficiários e os valores a serem pagos. Esse estado de coisas conduziu a pagamentos mensais a quem sequer vínculo com a Universidade possuía ocasionando um desfalque inaceitável de mais de R$ 7 milhões em um período superior a três anos sem que, para dizer o mínimo, ninguém da instituição de ensino percebesse, ainda que os fatos se repetissem mensalmente", declarou Josegrei.
G1 tentará contato com os advogados dos envolvidos. De acordo com a Justiça Federal, até as 10h50, os investigados não tinham advogado constituído.
Ao todo, foram expedidos 73 mandados judiciais, sendo 29 de prisão temporária, 8 de condução coercitivas, que é quando a pessoa é levada para prestar depoimento, e 36 mandados de busca e apreensão. Entre os alvos, estão dois funcionários públicos federais.
As prisões têm prazo de cinco dias e podem ser prorrogadas pelo mesmo período ou convertidas para preventivas, que é quando os presos ficam detidos por tempo indeterminado.
As cidades onde os mandados estão sendo cumpridos são Curitiba, Almirante Tamandaré, São José dos Pinhais, Antonina, Francisco Beltrão e Ponta Grossa, no Paraná; Rio de Janeiro; e Campo Grande e Maracaju, no Mato Grosso do Sul. http://g1.globo.com/pr/parana/noticia/2017/02/pf-cumpre-operacao-contra-desvio-de-recursos-publicos-destinados-ufpr.html

terça-feira, 14 de fevereiro de 2017

DEPUTADOS ESTADUAIS E ANTONINA.


O deputado Tião Medeiros se reuniu nesta terça-feira (24) com o diretor jurídico da Companhia Paranaense de Energia (Copel), Cristiano Hotz, para tratar de uma solução para o impasse de uma ação pública civil ingressada pela Associação de Produtores Rurais de Antonina (Aspran) contra a companhia. No processo, a Associação pede indenização aos produtores prejudicados pela água liberada pela Usina Hidrelétrica de Parigot de Souza, administrada pela Copel.
Os moradores da região também pedem a recuperação e desassoreamento do Rio Cachoeira e da Baía de Antonina. A Usina Hidrelétrica de Parigot de Souza foi construída no início da década de 1970, na região do Rio Cachoeira.
“Sabemos do problema gerado pela usina aos moradores da região, por isso estamos fazendo a intermediação para resolver o impasse. Temos relatos de água invadindo muitas propriedades, causando prejuízos. Quanto mais rápido isto for resolvido, melhor”, explica Tião Medeiros.
De acordo com o diretor da Copel, a companhia pretende marcar uma reunião em breve com os produtores. “Queremos resolver este problema o mais rápido possível. Vamos reunir as partes para tratar do assunto”, diz Cristiano Hotz. 
Por Tutuca
Esse é um assunto de grande interesse para a coletividade antoninense, assunto alias, por muitas vezes abordado aqui no blog. 
Esperamos que os esforços somados tragam boas notícias para a nossa cidade. Vamos acompanhar... 
Lembrando sempre que é preciso nesse contexto, discutir também os próximos 30 anos , prazo da nova concessão para o uso da usina.                                             http://celsowistuba.blogspot.com.br/2013/12/usina-parigot-de-souza-medidas.html
 Requião Filho em visita ao Prefeito José Paulo.
Na última sexta -feira 10/02, esteve em visita a nossa cidade o Deputado Estadual Requião Filho do PMDB.
O deputado é um velho amigo do Prefeito Zé Paulo ainda quando este era o presidente do PMDB em nossa cidade.
Boa visita.