sábado, 23 de maio de 2015

ACREDITAR É PRECISO,OU; MENOS MALABARISMO RETÓRICO, E MAIS RESULTADO.

Ao que tudo indica a matéria publicada no Blog sobre a inacabada obra da Casa da Cultura, causou uma espécie de “burburinho” virtual nas redes sociais.
Não sei o porquê do alvoroço, já que nesse caso  não é necessário nenhum tipo de ginástica para entender a situação. Os fatos falam por si só.
A matéria foi baseada nas informações disponibilizadas no Portal da Transparência, mais especificamente nos dados disponibilizados no SICONV que nada mais é que um sistema criado para cadastrar e gerênciar convênios e contratos de repasses do Governo Federal.
Abrindo a tela do SICONV nota-se que a mais recente atualização de dados do convênio data de 13/05/2015, portanto a exatamente dez dias.
Duas situações chamam a atenção, e confirmam o que foi escrito.

Para entender...

O sistema SICONV gera questionamentos sobre os convênios, questionamentos esses que são respondidos pelo próprio SICONV quando alimentado por documentos enviados pelas Prefeituras conveniadas.
Em uma dessas ações o sistema questiona se o objetivo da obra foi alcançado quanto ao objeto do convênio, a resposta que lá consta  é ; NÃO.
Outra situação também demonstrada no SICONV é  que a obra estagnou em 79,13% da sua execução. 
Portanto, 79,13% não são 98% de execução como alega os ex - gestor do nosso município.
É bom lembrar que esse mesmo sistema nos envia a informação que ;100% dos recursos destinados à obra aportaram nos cofres da Prefeitura. Logo... É fácil constatar que essa conta não fecha.
Já o atual gestor municipal quando indagado sobre a situação, informou que o município teria que devolver dinheiro para o Governo Federal.
Outros questionamentos surgem também sobre essa situação;
Se o município terá que devolver dinheiro e a obra ainda está inacabada, quem irá concluir a obra, e com quais recursos?
Então vamos se agarrar nos fatos. O fato é que; essa obra estará completando em Janeiro de 2016,  nada mais nada menos que CINCO ANOS de atraso no prazo estabelecido de entrega. Isso mesmo, "CINCO ANOS DE ATRASO"!  
Vamos ser práticos... Acreditar é preciso e eu acredito que tudo se resolverá a partir do momento que a obra for entregue sem que a coletividade antoninense pague 2 vezes por ela.
Obviamente que não vai ser com malabarismos retóricos e discursos enfadonhos que a “arrastada” situação será resolvida.
Um abraço a todos, e fiquem na paz.



quinta-feira, 21 de maio de 2015

ELEIÇÕES 2016/PESQUISA, OU; OBRA DA REPAR/ARAUCÁRIA E OBRA DA TRANSPETRO/ANTONINA. QUALQUER SEMELHANÇA É MERA COINCIDÊNCIA?

Em Paranaguá...
 André Pioli lidera a corrida pela prefeitura, diz Paraná Pesquisas
Além da pesquisa sobre a aprovação das administrações federal, estadual e municipal em Paranaguá (veja aqui), o Paraná Pesquisas também verificou os índices da disputa pela prefeitura da cidade no ano que vem. A pesquisa tem 5 cenários sobre a corrida pela prefeitura parnanguara de 2016 e inclui as intenções de voto de André Pioli, Marcelo Roque, Waldir Leite, Alceuzinho Maron, Maranhão, Edison Kersten, Edu, Baka, Fregonese e Ricardo -http://www.fabiocampana.com.br/2015/05/em-paranagua-pioli-lidera-a-corrida-pela-prefeitura-diz-parana-pesquisas/.
Por Tutuca.
Em terras capelistas nenhuma pesquisa oficial foi ainda lançada. Isso não quer dizer que as movimentações já não tenham sido iniciadas pelos diversos grupos políticos da cidade. Vamos aguardar os acontecimentos

Empreiteiras receberam R$ 100 milhões de forma irregular na Repar




LAVA JATO -  Repar: adiantamentos de pagamentos para empreiteiras ocorreram antes que as obras estivessem feitas.

Por Tutuca.

Lendo o relatório da CEI da Câmara, se nota  que a investigação da Lava jato na obra da Repar (Araucária), tem muita semelhança com a obra da TRANSPETRO aqui em Antonina.
O relatório da CEI da Câmara enviado ao MP Estadual, diz o seguinte em sua pg 23 ; "Diante dos fatos podemos concluir que empresa contratada desde a assinatura do contrato passou a receber, sem ter concluído as obras conforme o cronograma financeiro".
O vasto relatório da CEI só vem na verdade confirmar o que presenciamos no dia a dia em nossa cidade. A obra que se "arrasta" em sua falta de qualidade, pouco ou nada tem haver com a obra no seu projeto original , e o adiantamento de pagamentos é segundo o relatório, só uma das muitas irregularidades da obra mais cara da história de Antonina.
O MP segundo informações, já  recomendou que a obra seja concluída , e só depois de sua conclusão outras medidas deverão ser efetivamente tomadas. 
Aguardemos.

quinta-feira, 14 de maio de 2015

REFORMA POLÍTICA - RELATÓRIO VAI À VOTAÇÃO.

Leandro Prazeres
Do UOL, em Brasília


Os integrantes da comissão especial que estuda uma proposta para a chamada reforma política na Câmara dos Deputados deverão votar um relatório na próxima terça-feira (19) com sugestões que, se aprovadas, serão encaminhadas ao plenário da Câmara. Entre as principais mudanças do texto está a introdução do sistema chamado "distritão", o fim da reeleição para cargos do Poder Executivo e o fim das coligações partidárias para eleições do Legislativo. 
O relatório, que originalmente iria a votação nesta quinta, mas foi adiado, pode ser aprovado ou rejeitado de forma integral ou em partes. Para que a votação comece, pelo menos 18 dos 34 membros titulares da comissão precisam estar presentes. Para ser aprovado, o relatório deverá ter o voto favorável da maioria simples (metade mais um dos presentes).
O material que for aprovado pela comissão será enviado ao plenário da Câmara. O texto precisa ser aprovado em dois turnos na Câmara e no Senado antes de entrar em vigor.
Apontada como uma das promessas do PT durante as eleições presidenciais, a reforma política acabou sendo comandada pelo PMDB e pelo DEM.
O relator da comissão, Marcelo Castro (PMDB-PI), é aliado do presidente da Câmara dos Deputados, Eduardo Cunha (PMDB-RJ), que mantém posicionamento crítico em relação ao governo.
A presidência da comissão, por sua vez, ficou com Rodrigo Maia (DEM-RJ). O Democratas é um dos principais partidos de oposição ao governo.
Propostas defendidas pelo PT, como o financiamento exclusivamente público de campanha e a manutenção do voto proporcional, ficaram de fora do relatório. 
Veja seis dos principais pontos da proposta:

1 - Sistema eleitoral para eleições de deputados (federais e estaduais) e vereadores
Como é?

"Voto de legenda": Os votos são primeiramente computados aos partidos e coligações e define-se o número de parlamentares eleitos a que a legenda terá direito. A partir daí, são definidos os parlamentares que terão direito a um assento. Pela regra atual, os candidatos mais votados de cada legenda são considerados eleitos. A principal crítica a esse modelo é a distorção que "campeões de voto" podem causar. Dependendo da coligação, o elevado número de votos de um determinado candidato de uma legenda pode "puxar" candidatos que foram mal nas urnas.
Como pode ficar?
"Distritão": Estados e municípios são transformados em "distritos". São eleitos os candidatos mais votados em cada distrito, independentemente da coligação ou partidos aos quais os candidatos pertençam. Neste sistema, os candidatos "campeões de voto" tendem a ser favorecidos, enquanto candidatos que representam minorias seriam prejudicados.
2 - Financiamento de campanha
Como é?
As campanhas são financiadas por uma mistura de doações privadas de pessoas físicas ou empresas e de repasses feitos pelo fundo partidário, com recursos da União. As doações feitas por empresas têm um teto de 2% sobre o faturamento bruto da empresa na ano anterior às eleições. As doações podem ser feitas tanto aos partidos quanto aos candidatos desde que registradas junto à Justiça Eleitoral.
Como pode ficar?
O modelo misto permanece, mas com a criação de restrições em relação às doações feitas por empresas privadas e pessoas físicas. Foi sugerida a criação de um teto fixo para doações privadas, e não mais relacionado proporcionalmente ao faturamento das empresas. Além disso, empresas estariam proibidas de doar diretamente a candidatos. As doações só poderiam ser feitas, obedecendo as novas regras, aos partidos.
Também seriam vedadas as doações privadas a partidos fora do período eleitoral. Foi sugerida a criação de um fundo público com recursos do Tesouro para distribuir verbas a partidos de duas formas. Parte do repasse seria feito de acordo com a representação política do partido. A outra parte seria feita de forma igualitária a todos os partidos que não tenham representação no Congresso Nacional, mas que queiram participar das eleições.
3 - Coligações
Como é?
Atualmente, partidos são livres para se coligar com outros durante as eleições municipais e gerais. Nas eleições para cargos legislativos, os votos vão para a chamada "legenda", que é o conjunto dos partidos coligados.
Como pode ficar?
Ficam proibidas as coligações em eleições parlamentares. As coligações só seriam permitidas nas eleições para cargos majoritários (prefeito, senador, governador e presidente da República).
4 - Reeleição
Como é?
Atualmente, parlamentares (vereadores, deputados e senadores) pode ser reeleitos indefinidamente. Prefeitos, governadores e presidentes da República só podem ser reeleitos uma vez.
Como pode ficar?
A reeleição para cargos do Executivo é extinta. Apenas ocupantes de cargos do Legislativo podem ser reeleitos.
5 - Duração do mandato
Como é?
Vereadores, prefeitos, deputados estaduais, governadores e presidentes da República têm mandato de quatro anos. Senadores têm mandatos de oito anos.
Como pode ficar?
Todos os ocupantes de cargos eletivos terão mandato de cinco anos.
6 - Participação popular
Como é?
Atualmente, projetos de lei de iniciativa popular precisam reunir 1,4 milhão de assinaturas devidamente conferidas para poderem tramitar no Congresso Nacional.
Como pode ficar?
Pela proposta a ser votada, projetos de lei de iniciativa popular precisarão reunir apenas 500 mil assinaturas.

segunda-feira, 11 de maio de 2015

ANÁLISE DE CONJUNTURA 2 - PARA ONDE CAMINHA O PT? OU; A HORA DE VARGAS...

Com pesquisas internas apontando que a tendência é o PT sofrer nas eleições municipais de 2016 a maior derrota desde a sua fundação, a cúpula do partido ouviu de Lula a orientação de começar a negociar alianças para “humildemente” se transformar na linha auxiliar em coligações partidárias. O PT pretende assumir o papel meramente de coadjuvante, desempenhado hoje por aliados como PMDB, PP e PR.
Em sua nova fase “humilde”, tipo “paz e amor”, o PT vai se preparar para postular no máximo o lugar de vice, nas chapas para prefeito. As pesquisas só foram apresentadas a três dirigentes do PT e a Lula – o que pode explicar o nervosismo dele, em suas últimas aparições. 
O PT somente tentará assumir a cabeça de chapa, nas eleições do próximo ano, em municípios onde não haja risco de derrota. O PT tentará retomar a defesa dos bons costumes políticos e, ao contrário da sua atitude no mensalão, promete expulsar os corruptos. Claudio Humberto/Boca Maldita


Receita Federal cassa registro de empresas ligadas a André Vargas.
Filipe Coutinho, Época - 
O delegado da Receita Federal em Londrina, Luiz Fernando da Silva Costa, declarou inapta as inscrições da LSI Soluções em Serviços Empresariais e a Limiar Consultoria, empresas ligadas ao ex-deputado federal pelo PT do Paraná André Vargas, preso na 11ª fase da Operação Lava Jato. O motivo da cassação dos registros foi a não localização das empresas nos endereços informados à Receita Federal. A LSI e a Limiar recebiam repasse de dinheiro de agências de publicidade contratadas pela Petrobras. De acordo com a investigação, as duas empresas emitiam notas fiscais sem prestar serviços. A LSI Soluções em Serviços Empresariais e a Limiar Consultoria são investigadas na Operação Lava Jato.

Por Tutuca ; 
Não restam dúvidas que com a perca do foro privilegiado, o ex Deputado  André Vargas (estopim da Lava Jato), será um terreno fértil para a investigação do juiz Sérgio Moro. A pergunta que não quer calar é uma só; Até onde a coisa toda pode se estender e  alcançar os meandros políticos de nossa cidade? 

terça-feira, 5 de maio de 2015

COMUNICADO - CMDCA/ANTONINA.



O Conselho Municipal dos Direitos da Criança e do Adolescente de Antonina torna público que:
Estão abertas as inscrições para o cargo de Conselheiro Tutelar - quadriênio 2016/2019.
5 vagas- Titular e 5 vagas- Suplente
As inscrições estarão abertas até o dia 03/06/2015.
Requisitos para inscrição:
1) Reconhecida idoneidade moral, através de declaração firmada pelo candidato;
2) Maiores de 21 (vinte e um) anos de idade;
3) Residir no município há mais de 2 (dois) anos, cuja comprovação se dará através de contas de utilização de serviços públicos (água,luz, telefone, IPTU, contrato de locação) ou deverá apresentar uma declaração do proprietário de sua residência e de duas testemunhas, sendo obrigatório o reconhecimento de firma dos declarantes;
4) Ter ensino médio completo reconhecido pelo MEC;
5) Disponibilidade de trabalhar, à concordância com a carga horária 40 horas semanais, mais plantões aos finais de semana, feriados e noturnos
Os interessados deverão entrar em contato com antecedência para informações sobre documentação necessária para inscrição no endereço na Rua Coronel Marçalo,151 centro (Sobreloja do Merc. Zanetti) pelo telefone 3978-1212. Edital publicado está afixado sede do CMDCA, fórum e na Câmara Municipal e no Diário Oficial no site da prefeitura.
Neiva de Almeida
Coord. Comissão Organizadora

terça-feira, 28 de abril de 2015

I GP ANTONINA DE CICLISMO DE ESTRADA, FILARMÔNICA NO VÁCUO, OU; A VERGONHA ALHEIA.

Quero parabenizar o amigo Diogo Machado pelo sucesso na realização da I Etapa do GP Antonina de Ciclismo de Estrada. 
Mesmo com a pouca disponibilização de recursos, o professor Diogo vem apresentando um bom trabalho frente a pasta de esportes. Esse é o caminho.
Foto - Adriano Almeida/Bac
Cabulosa situação...

O evento "Tropeada" se iniciou em Foz do Iguaçu, e foi finalizado com a etapa de Balsa Nova até Antonina. 
O evento teve como principais objetivos promover a confraternização entre regiões e contar um pouco da história do Paraná. 
No seu desfecho em nossa cidade, o que era pra ser um momento de confraternização, um momento de festa, se tornou um momento de stress, um momento de vergonha alheia. 
Demonstrando total  falta de habilidade  para contornar uma simples situação de desencontro o chefe do executivo, segundo alguns populares, partiu para as vias de fato com um dos organizadores da cavalgada , o Deputado Estadual Nereu Moura.


Filarmônica no vácuo...

É do conhecimento de todos que todo ultimo sábado do mês a Filarmônica antoninense faz a sua já famosa apresentação na Praça Cel. Macedo, a tradicional retreta.
Seria para ser assim... Todavia neste final de semana, e segundo alguns membros da Filarmônica, a Prefeitura  trocou o cadeado do coreto e deixou os nossos valorosos músicos no vácuo. Muitas foram as indagações por populares sobre a não realização da retreta.
Outra situação envolvendo a Filarmônica e a Prefeitura, fica por conta da não renovação do convênio referente ao  Projeto Musicalização nas Escolas. Era só o que faltava. Esperamos que alguém da Prefeitura venha a público e posicione a população sobre esse assunto.

quinta-feira, 23 de abril de 2015

PEDIDO DE INFORMAÇÃO ATENDIDO.

Meus agradecimentos à Mesa Diretora da Câmara Municipal de Antonina, pelo pronto atendimento ao meu pedido de informação sobre o relatório final da CEI da obra da TRANSPETRO.
O relatório de quase 50 páginas, nos traz informações importantes sobre a obra mais cara da cidade de Antonina.

quinta-feira, 16 de abril de 2015

REUNIÃO AMBB - ASSOCIAÇÃO DOS MORADORES DO BAIRRO DO BATEL.

Na data de ontem, Quarta-Feira 15/04 foi realizada na sede da AMBB - Associação de Moradores do Bairro do Batel, REUNIÃO extraordinária para debater a ABERTURA e REFORMA da CAPELA MORTUÁRIA do CEMITÉRIO SÃO MANOEL NO BAIRRO DO BATEL. A REUNIÃO contou com a presença da Vereadora Marigel Machado, Vereador Giva Cabral, Padre José Miguel, Moradores, Associados e Membros da Igreja São João Batista. A REUNIÃO foi realizada a pedido da Vereadora Marigel Machado e Vereador Giva Cabral a fim de discutirmos uma solução para essa questão. É sabido por todos que essa Associação sempre cobrou das autoridades competentes uma solução para esse assunto, mas nunca houve uma resposta concreta. Diante disso a COMUNIDADE resolveu tomar a frente da CAPELA MORTUÁRIA do CEMITÉRIO SÃO MANOEL, ficou decidido na REUNIÃO que os Vereadores irão cuidar da parte burocrática, projeto, licenças e uma contra partida do Executivo na compra dos mateiras de construção e ajuda de mão de obra, nossa COMUNIDADE vai ficar responsável em organizar MUTIRÕES para ajudar na reforma. Foi falado também na REUNIÃO que de imediato precisávamos pensar em um local provisório para a realização dos velórios, até a reforma, foram sugeridas varias ideias, chegando no consenso da Fabrica de Manilhas, que a Prefeitura cede-se uma sala, para que provisoriamente pudesse atender os velórios. Durante a REUNIÃO foi criada uma comissão que se dispões a conversar com o Secretario de Obras Alexandre Parodi, para darmos uma real SOLUÇÃO para essa demanda, nossa COMUNIDADE está cansada de promessas vazias.
Nossa Associação sabe da importância do Terceiro Setor, representado por cidadãos de bem integrados em organizações sem fins lucrativos, não governamentais, voltados para a solução de problemas sociais da Comunidade. Fonte - Face/AMBB.

sexta-feira, 10 de abril de 2015

AINDA SOBRE O LIXO...

Dia desses o Secretário do Meio Ambiente esteve na Câmara explanando sobre a questão do lixo na cidade de Antonina. A situação é mesmo preocupante. 
Se tratando dos veículos que são de propriedade da Prefeitura , notamos que conforme o procedimento licitatório abaixo, alguns milhares de reais foram previstos para a recuperação e conserto desses caminhões. Os valores são equivalentes ao valor de mercado de um carro zero km, trinta e cinco mil reais para a manutenção de "cada" caminhão. O que vemos no  dia a dia, é um caminhão de lixo que quando acionado o dispositivo para a prensa dos resíduos , permite o vazamento do chorume armazenado na carga.  
O mau cheiro nas ruas é insuportável, a reclamação de moradores e comerciantes é geral. 



http://antonina.pr.gov.br/editais/EDITAL%20PP%20022-2013%20-%20SRP.pdf

terça-feira, 31 de março de 2015

GAMBIARRA DA TRANSPETRO , AÇÃO POPULAR, E O CÓDIGO DE DEFESA DO CONSUMIDOR.


Solicitei no dia de ontem , pedido de informação na Câmara Municipal de Antonina, no sentido de se aprofundar no conteúdo do relatório da CEI da Obra da Transpetro.
O relatório já enviado ao Ministério Público, com certeza possui informações muito interessantes quanto ao que vem , e quanto ao que não vem ocorrendo na obra mais cara da história de Antonina.
Alguns serviços  da obra só vem ocorrendo depois de muito trabalho de fiscalização por parte de alguns poucos vereadores, e desse que vos escreve.
Esses serviços que acontecem de maneira arrastada e com a já conhecida falta de qualidade,  já são chamados na cidade de; “Gambiarra da TRANSPETRO.”
Dia desses o vereador Givanildo postou algumas fotos da lambança realizada no bairro do Batel. Vergonheira pura.
Com uma rápida leitura no plano de trabalho da obra, não fica difícil constatar que a coletividade antoninense está “literalmente” sendo assaltada.
Sem medo de errar...7 milhões indo pelo ralo.
Se não me engano, a obra teve o seu prazo de entrega prorrogado para agosto de 2015, e depois dessa data iremos sem dúvidas, fazer um balanço do que foi realizado e do que deveria ser realizado. 
Lembro como agora do lançamento da obra no Theatro Municipal... 
Muita pompa, vídeo em 3 D, Hino Nacional...
O Deputado Ângelo Vanhoni, padrinho da obra e beneficiado eleitoralmente, não esteve presente. 
Nessa ocasião o então Deputado se fez  representado pelo staff do Partido dos Trabalhadores nativo, onde a militante Vanda Santana fez parte da composição da mesa.
Todos que ali estavam acreditaram  no que estava por vir, mas para a nossa decepção
a pendenga vem se arrastando por quase cinco anos e até o momento nem o ex  Deputado Vanhoni  e muito menos o Partido dos Trabalhadores local se manifestaram  sobre a  consolidada “Gambiarra da TRANSPETRO”.
Para o prejuízo de nossa cidade os atores fiscalizadores, o ex Prefeito, o atual prefeito, e o ex Deputado, se calam quanto a lesiva situação.
Não é preciso lembrar que essa questão pode  através de uma Ação Popular,  ser apreciada sob o olhar do CDC - Código de Defesa do Consumidor - e  aspectos como  a  obrigação de resultado, onde a principal obrigação do empreiteiro é executar a obra da maneira que foi contratada, também podem ser avaliados.


Aguardemos.

quinta-feira, 19 de março de 2015

PREFEITURA MUNICIPAL DE ANTONINA, OU ; O LIXO NOSSO DE CADA DIA...


(via face) Esta é a situação que o morador se encontra. Não tem mais onde depositar o lixo doméstico. Por que? Eu lhes respondo! O caminhão de lixo já não é visto a mais de uma semana. E não é só nesse bairro é em todos, inclusive no centro! Os moradores já não tem lixeira suficiente, então colocam os sacos no chão...nas árvores...nos muros...e acontece que cachorros os rasgam e vira aquele caos. Agora me pergunto onde está a segurança da saúde pública, e a secretária do meio ambiente? Faço essa pergunta e esse desabafo em nome do meu bairro (itapema ponta da pita) e em nome de toda a cidade de Antonina. Do jeito que tá não dá pra ficar! !!! Atenciosamente Lorena Lourenço Guimarães.

Por Tutuca. 

A questão da coleta do lixo e sua destinação, parece que complica cada dia mais em nossa cidade.
A questão da destinação vem sendo "empurrada com a barriga", e milhares de reais estão sendo gastos para que o lixo seja enviado para Paranaguá.
 A pergunta é ; E quando se exaurir a capacidade do aterro da vizinha cidade? 
Já a questão da coleta é tratada de maneira curiosa pela Prefeitura.
Não é difícil constatar nas redes sociais (texto acima), moradores reclamando da ausência deste serviço.
Conversando com funcionários da Secretária do Meio Ambiente, a informação passada é que a Prefeitura só tem um caminhão para efetuar a coleta.
Dia 1º de janeiro de 2015 se completaram 3 anos desta gestão, e nesse período de tempo 3 licitações para a "locação" de caminhões compactadores foram realizadas. 
http://antonina.pr.gov.br/editais/2015/AVISO%20ABERTURA%20DE%20ENVELOPE-PP%2004-2015.pdf
As licitações na sua totalidade, já beiram a casa dos 1 milhão de reais.
Essa maneira de gerir o município foi registrada em matéria aqui no blog já no início de 2013.
http://celsowistuba.blogspot.com.br/2013/05/mau-negocio-para-o-consumidorcontribuin.html
O município aluga caminhões em condições duvidosas de funcionamento, e ao término dos contratos o município fica sem o serviço, e sem os veículos.
Com esses recursos o município já poderia ter adquirido tranquilamente, pasmem, 4 caminhões compactadores semelhantes aos das fotos abaixo, e com isso ter resolvido ao menos, a situação caótica da coleta do lixo em nossa cidade.
A situação configura total falta de responsabilidade na gestão dos serviços públicos e o pouco caso com a população.



terça-feira, 10 de março de 2015

Senado aprova fim das coligações nas eleições proporcionais

Tércio Ribas Torres |  Agência Senado10/03/2015, 19h25
O Plenário do Senado aprovou nesta terça-feira (10), em primeiro turno, o fim das coligações partidárias nas eleições proporcionais. A Proposta de Emenda à Constituição (PEC) 40/2011, do ex-senador José Sarney (PMDB-AP), havia sido aprovada na Comissão de Constituição, Justiça e Cidadania (CCJ) em junho de 2012 e faz parte de um grupo de matérias relacionadas à reforma política selecionadas pelo presidente do Senado, Renan Calheiros, e por líderes partidários.
Foram 61 votos a favor e apenas sete contrários, além de duas abstenções. A proposta ainda precisa ser aprovada em segundo turno no Senado para seguir para apreciação da Câmara dos Deputados. Pela proposta, somente serão admitidas coligações nas eleições majoritárias – para senador, prefeito, governador e presidente da República. Fica assim proibida a coligação nas eleições proporcionais, em que são eleitos os vereadores e os deputados estaduais, distritais e federais.http://www12.senado.gov.br/noticias/materias/2015/03/10/reforma-politica-senado-aprova-fim-das-coligacoes-nas-eleicoes-proporcionais-1

segunda-feira, 2 de março de 2015

REFORMA POLÍTICA: DE VOLTA AO COMEÇO.

Marcos Pestana - Congresso em foco


Na última terça-feira, foi instalada a comissão especial – da qual farei parte – que apreciará a Proposta de Emenda à Constituição (PEC) da Reforma Política construída no âmbito do Grupo de Trabalho, nomeado pelo então presidente da Câmara dos Deputados, Henrique Alves, em 2013.
Recordando, as manifestações sociais nas principais cidades brasileiras em 2013 revelaram um mal estar com o sistema político reinante. O motor das mobilizações, na verdade, eram questões mais concretas: qualidade da educação, custo do transporte coletivo, mobilidade urbana e as debilidades de nosso sistema público de saúde.
A leitura das elites políticas, no entanto, foi de que o centro das demandas era a reforma política, tema de natureza institucional, que não fala diretamente às angústias da maioria da população. A maioria da sociedade não tem clara percepção de que melhorando o processo decisório haverá desdobramentos na saúde, na educação, na segurança e no bem estar dos cidadãos. Isto não invalida a urgência de uma profunda mudança no nosso sistema político.
Após a ocorrência das maiores movimentações de massa dos últimos 20 anos, no afã de mostrar serviço, a presidente Dilma propôs uma Constituinte exclusiva e depois um plebiscito. Ora, como instalar um poder constituinte com instituições democráticas em pleno funcionamento e uma Constituição em vigor? O plebiscito também não se mostrou uma saída adequada.
A melhor resposta veio do GT da Câmara com a PEC 352/13. Ela prevê a regionalização do voto proporcional, a cláusula de desempenho para conter a multiplicação artificial e perversa de partidos, o fim das coligações proporcionais que induzem o eleitor ao erro, o fim da reeleição, a coincidência de mandatos, o voto facultativo, a melhoria das regras do financiamento da atividade política e um referendo em que a população apoiará ou não as mudanças.
Vamos lembrar os objetivos essenciais de uma reforma política substantiva: aproximar a sociedade de sua representação, aprimoramento das regras do financiamento e fortalecimento dos partidos políticos. O objetivo central é avançar no funcionamento da democracia brasileira. O PT tenta transferir hipocritamente o eixo principal para o financiamento público de campanha, como varinha de condão contra a corrupção, demonizando as doações privadas.
O PT, nos últimos anos, foi disparadamente o que mais captou doações privadas. A postura do PT deve estar presa a um trauma freudiano a partir do Mensalão e do escândalo da Petrobras. Corrupção se combate é com corrupto na cadeia.
Mal ou bem, chegamos aqui com esse sistema. Mas, ele se esgotou e produziu uma disfunção grave. Vamos ver se a comissão especial da Câmara consegue avançar na construção dos consensos necessários e finalmente aprovar a tão falada reforma política.
Mas é preciso estar atento. A sociedade civil organizada tem que participar ativamente. Não tenhamos dúvidas que é sempre possível piorar.http://congressoemfoco.uol.com.br/opiniao/colunistas/reforma-politica-de-volta-ao-comeco/

domingo, 22 de fevereiro de 2015

PRA MELHORAR É DIFÍCIL, MAS PRA PIORAR...

Depois de um carnaval molhado, mas de muito trabalho, vamos então nos inteirando dos assuntos que estão como dizem por aí,  esquentando a chapa em nossa cidade.
Tudo começou com a ação da Polícia Federal  - Operação Barreado -  que já vem a algum tempo investigando a questão dos processos dos pescadores, e outros, achados enterrados no fórum da cidade.
Se não fosse por isso... O problema é que; mesmo com intensa repercussão do escândalo, a Prefeitura de Antonina resolve desastrosamente, contratar boa parte dos investigados pela Federal.
Tomando por base os princípios básicos da administração púbica, a ação  do Executivo Municipal é no mínimo aviltante, já que qualquer cidadão que  se candidatar a um cargo público através de  concurso, será submetido a regras e condições severas de seleção.
Já na contratação de comissionados tudo pode.
Ação semelhante aconteceu em Brasília, quando a Senadora Gleisi Hoffman,  ex - Ministra da Casa Civil, contratou um indivíduo que respondia na sua cidade por mais de 15 processos envolvendo abusos sexuais a menores. 
A Senadora simplesmente contratou  para sua acessória direta, um pedófilo compulsivo.
Nas duas situações os processos obviamente são distintos, mas a falta de zelo com a coisa pública...

Pra melhorar é difícil, mas pra piorar...

Agora foi a vez do Ministério Público denunciar por tráfico de influência o procurador jurídico, e  a chefe de divisão tributária da Prefeitura de Antonina. Muito sinistra essa situação.

Parabéns Professores.
Não tem como deixar de ressaltar a luta ordeira, e principalmente, o gesto de cidadania dos professores antoninenses.
Desejo de coração, todo o sucesso  na empreitada. 
O blog, para quem possa interessar, estará sempre a disposição.

Um abraço a todos.

sexta-feira, 13 de fevereiro de 2015

CARNAVAL 2015. QUEM FAZ A FESTA É VOCÊ.

Apesar das mazelas, das falhas de infra estrutura, falta de água, o mato tomando conta da cidade,  dos exorbitantes e injustificados gastos, a festa de Momo com certeza irá sobreviver. O motivo é um só... O carnaval antes de tudo é a festa do povo, o carnaval antes de tudo é feito pelo povo. 
No carnaval de Antonina quem faz a festa é você.

quarta-feira, 11 de fevereiro de 2015

UTILIDADE PÚBLICA. GREVE DOS PROFESSORES, É PRECISO SEPARAR O JOIO DO TRIGO.


Utilidade Pública:
Invasão do plenário?
A Assembleia é do povo e o povo elegeu seus representantes, por favor não acreditem em absurdos que são falados, estávamos lá, participamos da entrada na ALEP , eu, professora Ári Albuquerque, Agentes Educacionais Anselmo Ferrari de CarvalhoFerrari de Carvalho , Valeria ChiarelliMirail Pereira Pinheiro, Roberto, Patricia Xavier de Castro e milhares de pessoas, éramos educadores pedindo para que nossos direitos adquiridos fossem preservados.
A mídia não pode continuar manipulando as pessoas, éramos educadores pedindo simplesmente por nossos direitos!
A PM não teve sequer trabalho conosco, nos tratou muito bem e agradecemos pelo respeito !
Se existiram pessoas infiltradas e depredaram algo, não foram professores e agentes educacionais!
‪#‎EutÔnaluta‬!‪#‎Agrevecontinua‬
Paula Machado Celso Santos Wistuba, gostaria que 
publicasse no seu blog! 

Por  Tutuca.

Está publicado Ana.
Como já disse, não existem dúvidas quanto ao comportamento ordeiro e legítimo dos professores nesse ato de cidadania.
Se alguém quiser atribuir qualquer tipo de vandalismo à classe dos professores, estaremos sempre atentos a essa tentativa de manipulação.
Como já escrevi , nesse tipo de manifestação fica quase impossível impedir a infiltração de baderneiros profissionais portanto, remunerados, contratados por partidos políticos e muitas vezes por sindicatos, com o objetivo único de promover a desordem e os excessos. 
As fotos abaixo são provas que não iremos encontrar professores promovendo a baderna.
É preciso, nesses casos, separar o joio do trigo.

sexta-feira, 6 de fevereiro de 2015

ORGANOGRAMA GERAL - PREFEITURA MUNICIPAL DE ANTONINA.


Administração.http://www.antonina.pr.gov.br/

ORGANOGRAMA GERAL

PREFEITO – JOÃO UBIRAJARA LOPES
VICE-PREFEITO – WILSON CLIO DE ALMEIDA FILHO
SECRETÁRIOS
SECRETARIOS E CORRELATOS   
Seq.CargoNome
01Sec. AdministraçãoCASSIA FERNANDA FONSECA
02Sec. de FinançasRAFAEL NEVES ALVES
03Sec. Educação e EsportesLUCICLEIA LOPES DE RAMOS
04Sec. de Saúde
LEOVALDO BONFIM PINTO
05Sec. de  Agricult Meio AmbienteANDERSON DE MORAIS LOPES
06Sec. de Obras e PlanejamentoALEXANDRE FRANCO PARODI
07Sec. de Turismo e CulturaCESAR ALEXANDRE BROSKA
08Sec. de Industria e  ComércioDIOGO ALVES MACHADO
09Sec. de ComunicaçãoCIBELE FONTANELA
10Sec. de Ass. SocialADRIANA SALLES FERNANDES LOPES
11Chefe de GabineteLIDIO BRAGA
12Procurador JurídicaFABRICIO DE SOUZA
13Coordenador Relações InstituicionaisANTENOR MILTON DA FONSECA MATTOZO
14Controladora InternaDANIELE MEIRA DOS SANTOS


DIRETORES
DIRETORES  
Seq.CargoNome
01Dir. de FinançasBRUNA DO ROSARIO VEIGA
02Dir. Educação e Esp.DANTE LUIS PINTO NASCIMENTO
03Dir. de SaúdeNEIDE FERNANDES DA CONCEIÇÃO
04Dir. ClínicoLUDIANA CARDOZO RODRIGUES
05Dir. AdministraçãoHEZRON CECYN DUARTE VALENTE
06Dir. Agric e  Meio AmbienteLUIZ HAMILTON DE CARVALHO
07Dir. de Obras e PlanejALEX SANDRO MARTINS
08Dir. de Cultura e Tur.FRANCISCO FABIANO VIEIRA BARBOZA
09Dir. Ind.  ComércioJULIO PRAISLER NETO
10Dir. de Ass. SocialPAOLA MARCIELE FUMANERI VALÉRIO


CHEFE DE DIVISÃO
CHEFE DE DIVISÃO  
Seq.CargoNome
SEC. ADMINISTRAÇÃO
01Chefe Rec. HumanosVANESSA BARBARA IVANFY
02Chefe PatrimônioEDER DO ROSARIO CHARELLO
03Chefe ArquivoALDO FERNANDES DE OLIVEIRA


SEC. DE FINANÇAS
04Chefe de TributaçãoKAROLINE DE SOUZA CARDOSO
05Chefe de InformáticaGILMAR VIER
06Chefe de TesourariaCLEVERSON HENRIQUE CARDOSO
07Chefe de ComprasGUSTAVO CARVALHO DE PAULA
08Chefe de ContabilidadeJAMILE DE FATIMA MOREIRA TEIXEIRA SOBRINHO
09Chefe FiscalizaçãoADRIANO COSTA LAUTEMAN


SEC. DE SAÚDE
10Chefe de SaúdeCARLOS HERARTH
11Chefe Adm da SaudeMAGNA CECYN FERNANDES


SEC. DE  EDUCAÇÃO E ESPORTES
12Chefe de EsportesJOSÉ DE MELLO NETO


SEC. DE MEIO AMBIENTE E AGRICULTURA
13Chefe de AgriculturaGEOMAR CARDOSO DE SOUZA
14Chefe  M. AmbienteLUIZ CARLOS FABRI


SEC. DE OBRAS
15Chefe de ObrasDENISE DOS SANTOS PEREIRA
16Chefe de PlanejamentoJORGE LEAO DA VEIGA FAYAD
17Chefe de Ut. PúblicaALTAMIR JOSÉ DA SILVA
18Chefe de TransportesJOÃO LAMEZON
19Chefe de SegurançaJAILSON CARDOSO COELHO


SEC. DE COMUNICAÇÃO  
20Chefe de ComunicaçãoVAGO


SEC. DE TURISMO E CULTURA
21Chefe de TurismoISAAC CORDEIRO CEZARINO
22Chefe de CulturaNADIA MARIA DOS PASSOS DIAS


SEC. DE ASSISTÊNCIA SOCIAL
23Chefe de Ass. SocialNILZA AYRES DA SILVA


CHEFIA DE GABINETE
24Ass. AdministrativaKHARYNE DE SOUZA CARDOSO
SAMAE
CARGOS COMISSÃO DO SAMAE
Seq.CargoNome
01DIRETOR GERALDEOCLECIO DE OLIVEIRA MILLEZI
02DIRETOR TÉCNICOTANATIANA MOTYL