segunda-feira, 31 de outubro de 2011

PRTB/Antonina convida.


O Partido Renovador Trabalhista Brasileiro (PRTB)/Antonina, na figura do seu Presidente Celso Wistuba convida,


A todos os seus filiados e Membros da Executiva, para reunião a ser realizada no dia 17/11 de 2011 as 18;00 horas no Shopping Araponga.

Pauta:

- Agenda com o Deputado Federal André Vargas. 

- Agenda com o Deputado Estadual Alexandre Curi.

- Agenda com o Deputado Federal Assis do Couto. 


- Candidatura própria à Prefeitura de Antonina nas eleições 2012.

- Diminuição dos repasses constitucionais ao Município de Antonina.

domingo, 30 de outubro de 2011

1º Encontro mundial de blogueiros.

do blog do André Vargas

O 1º Encontro Mundial de Blogueiros começou na noite de quinta-feira (27), em Foz do Iguaçu (PR), com um ato de abertura marcado por mensagens em favor da democratização da comunicação, críticas à grande mídia, pedidos por internet banda larga gratuita e mais políticas públicas para o setor. O evento ocorreu em um belo mirante em frente à usina de Itaipu, que é uma das patrocinadoras do encontro.

sexta-feira, 28 de outubro de 2011

Princípio civilizatório da presunção da inocência.



Dilma em 22/10/2011

“O governo não condena ninguém sem provas é parte do princípio civilizatório da presunção da inocência”, declarou a presidente. “Não lutamos inutilmente para acabar com o arbítrio e não vamos aceitar que alguém seja condenado sumariamente”,  reforçou  ela.

Em 27/10/2011

 Após ouvir os relatos do ministro da Justiça, José Eduardo Martins Cardozo, sobre o andamento das investigações na Polícia Federal e no Ministério Público ,Dilma decidiu substituir Orlando Silva, mas a tendência é que mantenha o ministério com o PCdoB.

Por Tutuca,

Princípio civilizatório da presunção da inocência.

Sobre o olhar da justiça, para se afirmar que o ex ministro Orlando Silva é culpado ou inocente das acusações que vem recebendo, todo um longo caminho (e ponha longo nisso) terá que ser percorrido.

Já sobre o olhar do Governo Dilma, a sentença já foi deferida e referendada pelo novo ministro Aldo Rebelo que disse ,"Os convênios com as prefeituras continuam. Não vamos acabar com o [programa] Segundo Tempo. A intenção é acabar com os convênios com as ONGs”, explicou.
Para o bom entendedor,  meia palavra basta.

quinta-feira, 27 de outubro de 2011

Desassoreamento de Rios e canais.

Meio Ambiente

Governo abre concorrência para limpeza e desassoreamento de rios na RMC e Litoral - 26/10/2011 12:09

O Instituto das Águas do Paraná (AguasParaná) abriu concorrência para obras de limpeza e desassoreamento em rios e canais, o que facilitará o controle de cheias. São três editais, publicados na última sexta-feira (21). Eles abrangem obras em oito pontos em municípios da região metropolitana de Curitiba e seis no Litoral do Estado. O valor total a ser aplicado é de R$ 8,99 milhões. A previsão é que os trabalhos comecem em dezembro.

“O objetivo dos serviços é remover resíduos e solos que foram arrastados para o fundo dos rios. Assim, minimizaremos os impactos das cheias, podendo evitar perdas materiais e humanas”, explica o presidente do AguasParaná, Márcio Nunes.

Segundo o diretor de Obras da instituição, Carlos Alberto Galerani, os trechos onde serão realizados os serviços foram escolhidos a partir de sugestões das prefeituras e de pesquisas sobre pontos de assoreamento. Galerani salienta a importância da participação dos moradores para evitar enchentes. “Contamos também com a população, para que não descartem resíduos em rios e canais, pois isso intensifica o problema das cheias”.

EDITAIS – O primeiro edital refere-se a obras em trechos de rios localizados nos municípios de Almirante Tamandaré, Colombo, Curitiba, Pinhais e São José dos Pinhais, no valor de R$ 5.623.100,00 e cobrindo um total de 43,70 quilômetros de rios e canais.

O segundo abrange os municípios litorâneos de Antonina, Matinhos, Morretes, Paranaguá e Pontal do Paraná, no valor de R$ 2.122.083,45, totalizando 108, 383 quilômetros de rios e canais. E um terceiro edital, a ser lançado, refere-se a obras para construção de bacias de detenção no Rio Palmital, em Pinhais, no valor de R$ 1.250.000,00.

LITORAL – MUNICÍPIOS DE PONTAL DO PARANÁ, MATINHOS, MORRETES, ANTONINA E PARANAGUÁ.

Lote nº 01-Pontal do Paraná 38,455 km. rios e canais.

R$536.795,59 (quinhentos e trinta e seis mil setecentos e noventa e cinco reais e cinqüenta e nove centavos).

Lote nº 02-Matinhos 33,235 km rios e canais.

R$422.585,29 (quatrocentos e vinte e dois mil quinhentos e oitenta e cinco reais e vinte e nove centavos)

Lote nº 03-Canal Extravasor – Pontal do Paraná e Matinhos. – 14,635 km rios e canais

R$634.135,89 (seiscentos e trinta e quatro mil cento e trinta e cinco reais e oitenta e nove centavos).

Lote nº 04-Morretes – Rios Nhundiaquara, do Pinto e Marumbi 9,518 km

R$ 272.526,28(duzentos e setenta e dois mil quinhentos e vinte e seis reais e vinte e oito centavos).

Lote nº 05-Antonina Rio Cachoeira – 3,395 km. rios e canais.

R$108.295,09 (cento e oito mil duzentos e novena e cinco reais e nove centavos).

Lote nº 06-Paranaguá 9,145 km rios e canais.

R$147.741,31 (cento e quarenta e sete mil setecentos e quarenta e um reais e trinta e um centavos).

Concorrência 03/2011 valor total R$ 1.250.000,00 (a ser lançado)

CONTROLE DE CHEIAS – BACIAS DE DETENÇÃO – RIO PALMITAL – MUNICÍPIO DE PINHAIS

Execução de obras de bacias de detenção com volume escavado de 490.000 m3 e estruturas de concreto.

terça-feira, 25 de outubro de 2011

Diminuição dos repasses constitucionais. A realidade a ser enfrentada.

Agência Câmara de Notícias.
PEC proíbe redução de repasses constitucionais a municípios

Tramita na Câmara a Proposta de Emenda à Constituição (PEC) 344/09, do deputado José Maia Filho (DEM-PI), que garante a manutenção do valor dos repasses constitucionais da União para os municípios. Segundo a proposta, essas transferências não poderão ser reduzidas devido à diminuição temporária de alíquotas de impostos.

A Constituição obriga o governo federal a repassar aos municípios 22,5% da arrecadação do Imposto de Renda e do IPI. A União também deve repassar aos municípios 1% do produto dessas mesmas fontes de arrecadação, nos primeiros dez dias de dezembro de cada ano.

Redução de impostos

O deputado José Maia Filho lembra que, em momentos de crise, o Executivo Federal costuma reduzir temporariamente impostos da União. Ele destaca ainda que a crise econômica, por si só, já afeta as receitas de todos os entes federativos, devido à queda de arrecadação provocada por uma menor atividade econômica.

"Junte-se a isso a diminuição dos repasses ocasionada pela redução temporária de impostos, fruto de uma ação de política econômica tomada isoladamente pelo governo central, sem consulta às prefeituras ou governos estaduais, e fica criada situação de verdadeira penúria para boa parte dos municípios brasileiros”, acrescenta.

Tramitação

A PEC será analisada pela Comissão de Constituição e Justiça e de Cidadania quanto à
admissibilidade.

Se aprovada, será analisada por uma comissão especial a ser criada especificamente para esse fim. Depois, seguirá para o Plenário, onde precisará ser votada em dois turnos.

segunda-feira, 24 de outubro de 2011

Curiosidades



A morte de Steve Jobs, no início do mês, causou intensa procura por sua biografia. O sucesso dos produtos inventados por ele é indiscutível, mas o fato de Jobs nunca ter se formado numa universidade surpreendeu quem não acompanhava as notícias sobre o gênio fundador da Apple. Sua história de vida – assim como as de Bill Gates, da Microsoft, e Mark Zuckerberg, do Facebook, ambos sem diploma – faz surgir uma questão na mente de milhares de estudantes com espírito empreendedor. É necessário passar pela faculdade para se tornar inovador?

Jobs revelou por que abandonou o ensino superior em um memorável discurso feito em 2005 para uma turma de formandos da Universidade de Stanford. Além de não ter certeza do que queria para a própria vida, a mensalidade do Reed College, onde estudou durante seis meses, era cara demais para seus pais adotivos.

Aos 18 anos, trocou a faculdade de Física por um curso de caligrafia em que aprendeu design na escrita, algo nada prático para aquele momento de sua vida. Dez anos depois, segundo o próprio Jobs, o conhecimento estético e o fato de ter largado a faculdade fizeram a diferença na criação da Apple, a empresa de tecnologia mais valiosa do mundo.

domingo, 23 de outubro de 2011

Pedofilia .Você pode não ver,mas pode estar acontencendo.



Dia: 31/10/2011  - Horário: 9:00hr  Local: Theatro Municipal


Palestrante: Sargento Tânia Guerreiro
 
Secretaria Municipal da Educação de Antonina
Colaboração Kleise.
Por Tutuca,

Parabéns pela iniciativa Kleise, estaremos prestigiando a palestra.

sábado, 22 de outubro de 2011

Preconceito,Cachorro Quente e Política.




Preconceito (prefixo pré- e conceito)-  É um "juízo" preconcebido, manifestado geralmente na forma de uma atitude "discriminatória" perante pessoas, lugares ou tradições considerados diferentes ou "estranhos". 
Costuma indicar desconhecimento pejorativo de alguém, ou de um grupo social, ao que lhe é diferente. 

As formas mais comuns de preconceito são: social, racial e sexual.

De modo geral, o ponto de partida do preconceito é uma generalização superficial, chamada "estereótipo". Exemplos: "todos os alemães são prepotentes", "os americanos formaram grandes grupos arrogantes", "todos os ingleses são frios". 

Observar características comuns a grupos são consideradas preconceituosas quando entrarem para o campo da agressividade ou da discriminação.

Observa-se então que, pela superficialidade ou pela estereotipia, o preconceito é um erro

Entretanto, trata-se de um erro que faz parte do domínio da crença, não do conhecimento, ou seja ele tem uma base irracional e por isso escapa a qualquer questionamento fundamentado num argumento ou raciocínio.

Por Tutuca,
O preconceito da sociedade é  algo que infelizmente existe e nos rodeia todos os dias.

Dia desses, em uma conversa sobre política e sobre o cenário político em nossa cidade, ali  em frente a Câmara Municipal, o preconceito emergiu novamente por parte de pessoas que não possuem argumentos nem controle emocional e que nunca irão  entender a celebre frase de Joseph Joubert "O objetivo do argumento e da discussão não deve ser a vitória e sim o progresso".

Um membro do grupo político da Vereadora Margarete do Nascimento, em um certo momento do debate e sem mais argumentos para o diálogo esbravejou a frase direcionada a minha pessoa; "Há! Vá vender Cachorro Quente vá!"

A cena foi presenciada por algumas pessoas que ali estavam e que ficaram indignadas com a atitude desse cidadão. 
Infelizmente pessoas despreparadas e desinformadas  estão sendo "usadas" para atingir potencias adversários nas eleições do ano que vem e é bom frisar que; eu não sou candidato a nada.

É triste presenciar esse tipo de ação e o preconceito por essas pessoas praticado. 
Essas pessoas que acham que a minha profissão, o meu trabalho, o meu sustento, é algo com o que eu deveria me envergonhar se enganam .

É o contrário ,eu me orgulho ,pois é dali daquele carrinho de cachorro quente, que eu crio e dou educação para os meus "4 filhos" e consegui com muita luta (24 anos), construir e pagar a minha casa. 

Graças a muito trabalho posso dizer que sou uma referência positiva na cidade. Nunca me preocupei com posição social ou status ,esse negócio não faz a minha cabeça.
Ao contrário de muitas pessoas vaidosas que estão desesperadas e obsecadas pelo poder e pela posição social e que vem durante os últimos dias procurando de maneira covarde, me atingir.

Estou de uma maneira simples e dentro das minhas limitações, trabalhando juntamente com outras pessoas, com objetivo de realizar e concretizar algumas ações e as ações aos poucos estão se realizando e talvez isso esteja atrapalhando alguém.

A política se faz necessária ,o debate se faz necessário, o que não necessitamos é do preconceito e da covardia.

Não me iludo pois sei que esse tipo de atitude sempre irá existir,faz parte da natureza  e da pobreza de espirito do ser humano ,portanto eu vou continuar fazendo o que sempre fiz ,trabalhar, aliás é o que eu estou indo fazer agora ,e quem quiser comer um cachorro quente, ali na praça, é só chegar.
                                   Nos encontramos lá.

Efeito Colateral




No dia seguinte à divulgação do calendário da Copa do Mundo de 2014, as calculadoras começaram a trabalhar em Curitiba. Fora da Copa das Confederações em 2013 e com participação reduzida no Mundial do ano seguinte, a cidade tenta transformar em números o impacto financeiro da derrota na elaboração da tabela. 

Pela complexidade dos cálculos, o levantamento vai demorar a ser consolidado, mas é possível antecipar que boa parte da receita prevista já virou poeira.
Do ponto de vista econômico, o reflexo é negativo. Não vamos nos iludir. A perda é importante e difícil de mensurar”,  desabafou o secretário municipal para As­­suntos da Copa, Luiz de Carvalho. Ele prevê ter em mãos uma estimativa mais palpável em dez dias.
A ausência em 2013 será a primeira grande ferida na economia local, cuja cicatrização não estará finalizada até o principal evento da Fifa. “Deixaremos de receber vários turistas em uma competição que terá um país vizinho, o Uruguai [com a vaga garantida por ser campeão da Copa América]. Além disso, a cidade perde um ano de exposição estando fora da Copa das Confe­­derações. É um torneio mais tímido, mas importante, com transmissão para o mundo inteiro e que pode atrair visitantes para 2014”, complementou Carvalho.

“Um encontro dos donos de hotéis na próxima terça-feira, com a presença de representantes da área da Fifa, servirá de termômetro. Vou escutar lamúrias, choro, com certeza”, afirmou César Filho. “O baque foi enorme”, ressaltou. Durante a reunião, há a intenção de se rever os contratos assinados com a entidade internacional em 2009 para diminuir possíveis prejuízos. Pelo acordo, 60% dos quartos seriam reservados para a Fifa, sem garantia de serem ocupados.
“Tínhamos a previsão de 20 dias de Copa do Mundo em Curi­tiba, com oitavas ou quartas de final.
Serão 11, quase metade. O cenário mudou”, explicou o dirigente da ABIH. O medo é tão grande que se estuda abrir espaço para a realização de congressos para o período do Mundial, o que inicialmente havia sido vetado. Da gazeta do Povo.

Romário e a maquiagem da  "tal mobilidade urbana"

O deputado Romário (PSB-RJ) classificou como péssima a possibilidade de que os dias de jogos o Mundial de 2014 sejam transformados em feriado. De acordo com ele, será uma forma de o governo "maquiar" os possíveis problemas estruturais que ainda existirão no país até lá.

"O feriado é péssimo. Pode ser um motivo para as obras que não estejam terminadas 100%. Os feriados vão maquiar um pouco os problemas", disse em referência ao projeto da Lei da Copa, enviado ontem ao Congresso e que permite que Estados, Distrito Federal, municípios e a própria União decretem feriado local nos dias de jogos. 

Segundo o deputado, o feriado pode reduzir o número de carros nas ruas, por exemplo, o que daria a falsa impressão de que o trânsito e as vias estariam boas assim como esconderia o problema da falta de estacionamentos. 

Por Tutuca,

O reflexo negativo da notícia da não realização da Copa das Confederações no Paraná não será sentido só por Curitiba mas também pelas cidades do litoral como Antonina que estão a menos de 100km da capital. 

O difícil é entender que; depois de 4 anos do anuncio da Copa no Brasil, os "organizadores da Copa" ainda estão patinando e batendo cabeça. Inicialmente foi divulgado que que não entraria dinheiro público na construção ou ampliação de estádios particulares. Hoje não é isso que estamos vendo,muito dinheiro público está entrando na jogada e ninguém sabe como esse dinheiro será devolvido à população,se for. 
Saúde ,Educação Segurança,Transportes ,tantas frentes necessitando de investimentos e bilhões de reais sendo jogados pelo ralo. Os principais organizadores do evento estão nas manchetes envolvidos em vários processos e denuncias de mal uso do dinheiro público. Pelo menos uma coisa é certa nessa Copa, o Brasil já o campeão,da corrupção.



quinta-feira, 20 de outubro de 2011

Copa 2014 no Paraná. É um mico só.




Da Gazeta do Povo.


Fifa oficializa: Curitiba está fora da Copa das Confederações

Rio de Janeiro, Belo Horizonte, Brasília, Fortaleza, Recife e Salvador vão receber os jogos do torneio que será realizado em 2013.
Curitiba não vai receber jogos da Copa das Confederações em 2013. A decisão oficial foi anunciada, nesta quinta-feira (20), pela Fifa, em Zurique, na Suíça. Rio de Janeiro, Belo Horizonte, Brasília, Fortaleza, Recife e Salvador foram as seis sedes escolhidas para sediar o torneio que serve como um teste para a Copa do Mundo de 2014, no Brasil. Recife e Salvador ainda podem ser excluídas da competição caso não concluam as obras de seus estádios.
“Esta competição é o evento teste para a Copa do Mundo e vai ser uma grande competição. Nosso objetivo é estender [o torneio] a seis cidades brasileiras. Quatro sedes já estão definidas: Rio de Janeiro, Belo Horizonte, Brasília, Fortaleza. Duas, Recife e Salvador, são potenciais sedes desde que confirmem a conclusão das suas obras até junho de 2012”, declarou o presidente da CBF e do Comitê Organizador Local do Mundial, Ricardo Teixeira.

Curitiba também não receberá jogos de grande importância.

Curitiba não vai receber jogos da fase mata-mata da Copa do Mundo de 2014, no Brasil. Segundo o calendário oficial do Mundial, divulgado nesta quinta-feira (20) pela Fifa, a capital paranaense será sede apenas de jogos da primeira fase da competição. Somente uma partida vai envolver  um cabeça de chave.
Os duelos em Curitiba vão ocorrer em junho de 2014, nos dias 16, 20, 23 e 26. Além da capital do Paraná, Manaus, Cuiabá e Natal também ficaram apenas com quatro jogos da fase inicial da Copa. As cidades formam o grupo de sedes coadjuvantes do torneio.

Por Tutuca,


Alguns comentários na Gazeta do Povo...

HUMBERTO RAGNINI | 20/10/2011 | 16:14
 
É triste ver como o PR é pouco representado no cenário político. Qual a razão? Nossos políticos não querem exposição? Ou por que é difícil enfrentar os barões do poder? Estes barões que fomenta a ignorância do seu povo como base de seus negócios. Nem ao menos Copa das Confederações... E quanto a CBF e FIFA.....como pode um presidente de uma confederação de futebol como a CBF ter tanto poder? O Sr. todo poderoso Ricardo Teixeira é o principal responsável pela decadência do nosso futebol.

jose | 20/10/2011 | 16:12
 
Somos responsáveis por uma grande produção, o Sul fica novamente fora dos olhos e interesses!!!

wagner f santos | 20/10/2011 | 16:11
 
Nos colocaram no mesmo nível de Manaus e Natal, até Fortaleza e Salvador levaram a melhor, que tal parar tudo e economizar o dinheiro enquanto é tempo? Jogos pequenos não atraem turistas, vai ser dinheiro jogado fora e o povo do Paraná está sofrendo muito para ver dinheiro no ralo, saúde, segurança pública, infraestrutura que tal a campanha: "Copa para 1/2 dúzia... Tô fora..." Se a gazeta é do povo.. seja feita a nossa vontade...

Luiz Felipe | 20/10/2011 | 16:10
 
Vejam todos pelo lado positivo: participaremos apenas da primeira fase deste enorme fiasco chamado Copa 2014. É vergonhoso ver toda a sujeira que este evento está gerando,alguns poucos irão lucrar muito enquanto eu e você pagaremos por muito tempo a conta deste mico. 

Comento,

Pensando bem ,melhor não.

terça-feira, 18 de outubro de 2011

Previdência Social ,empréstimo a segurados residentes em municípios atingidos pelas chuvas de Março.



O Vereador Hélio de Freitas Castro fez um comunicado importante na seção plenária desta terça feira 18/10 na Câmara Municipal. 

A informação foi sobre  empréstimos á segurados do INSS  que foram atingidos pelas forte chuvas do mês de março em nossa cidade.

Segue abaixo o teor do comunicado.

Segurados também podem solicitar o adiantamento no valor de uma renda mensal
28/09/2011 - 09:45:00


Da Redação (Brasília) – A Previdência Social irá antecipar o valor de uma renda mensal a beneficiários que recebem ou residem em 12 municípios dos estados de Santa Catarina, Paraná e São Paulo, contanto que solicitem o adiantamento. A medida foi autorizada ao Instituto Nacional do Seguro Social (INSS) pela Portaria nº 580, do Ministério da Previdência Social (MPS), publicada nesta quarta-feira (28) no Diário Oficial da União. O objetivo é ajudar beneficiários que estejam em dificuldades por causa da situação de calamidade pública, reconhecida pelo Governo Federal, nesses estados, atingidos por chuvas nos últimos dias.

A medida vale para os segurados que recebem benefícios de prestação continuada previdenciários ou assistenciais. O termo de opção solicitando o adiantamento de uma renda mensal pode ser assinado pelo segurado no mesmo banco em que recebe o pagamento, a partir de 13 de outubro. Não terão direito ao adiantamento aqueles segurados que recebem benefícios temporários, como o auxílio-doença, salário-maternidade e auxílio-reclusão.

São 10 município de Santa Catarina: Agronômica, Aurora, Brusque, Ituporanga, Laurentino, Lontras, Presidente Getúlio, Rio do Oeste, Rio do Sul e Taió; além de Antonina, no Paraná, e Eldorado em São Paulo.

Além do adiantamento da renda, o INSS também vai antecipar o calendário de pagamentos mensais para o dia 25 de outubro, data prevista para o início dos depósitos da folha de outubro. Nesta data, todos os segurados poderão sacar o beneficio.

O adiantamento será devolvido em até 36 parcelas mensais, sem atualização monetária ou juros. Os descontos começam a ser realizados na folha de pagamento referente ao mês de março de 2012.

ANTECIPAÇÃO DE PAGAMENTO
Quando: 25 de outubro, referente à competência de outubro.

ADIANTAMENTO DE RENDA
Quando: de 13 de outubro a 20 de dezembro.

Como solicitar
É preciso assinar o Termo de Opção que estará disponível nas agências bancárias a partir de 13 de outubro.

Quem pode requerer
Podem requerer o crédito o próprio beneficiário, o seu procurador ou representante legal, neste caso, desde que devidamente cadastrados no INSS.

Valor do adiantamento
O adiantamento terá valor igual a uma parcela mensal bruta do benefício a que o segurado tem direito, considerada a competência de outubro de 2011.

Quantidade de parcelas
A devolução ocorrerá em 36 parcelas mensais, sem atualização monetária ou juros. Os descontos começam a ser feitos a partir da folha de pagamento de março de 2012.

Liberação do crédito
O crédito será liberado na mesma data da opção. Nos casos de opções feitas em correspondentes bancários será liberado em até 5 dias úteis, após a formalização da opção.

Quem não tem direito
Quem tem benefício temporário, como auxílio-doença, auxílio-reclusão e salário maternidade.

Mais informações
Basta ligar para os operadores da Central 135. A ligação é gratuita quando originada de telefone fixo e tem o custo de ligação local quando feita de celular.

Informações para a Imprensa
Ligia Borges
(61) 2021.5779
Ascom/MPS

Informações para o Cidadão
Ligue 135


Entrevista de Emprego.


Entrevista para uma grande empresa...

1º) Candidato formado na USP

Diretor: Qual e a coisa mais rápida do mundo?
Candidato: Ora, é um pensamento.
Diretor: Por que?
Candidato: Porque um pensamento ocorre quase instantaneamente.
Diretor:  Muito bem, excelente resposta.

2º) Candidato formado na PUC

Diretor: Qual é a coisa mais rápida do mundo?
Candidato: Um piscar de olhos.
Diretor: Por que?
Candidato: Porque e tão rápido que as vezes nem vemos.
Diretor: ótimo

3º) Candidato formado na UNICAMP:

Diretor: Qual é a coisa mais rápida do mundo?
Candidato: A eletricidade.
Diretor: Por que?
Candidato: Veja, ao ligarmos um interruptor, acendemos uma
lâmpada a 5km de distância instantaneamente.
Diretor: Excelente.

4º) Candidato Joãozinho:

Diretor: Qual e a coisa mais rápida do mundo?
Candidato: Uma diarréia...
Diretor: Como assim ? Esta brincando ? Explique isso...
Candidato: Isso mesmo. Ontem a noite eu tive uma diarréia tão
forte, que antes que eu pudesse pensar, piscar os olhos ou  acender a luz, já tinha me cagado todo...
Diretor: O emprego é seu!

'Fundamento técnico e cálculo não é tudo...
entender de cagadas é o que o mercado precisa!'

Colaboração ; Wilson Clio Filho.

segunda-feira, 17 de outubro de 2011

Quociente Eleitoral e Coligações.




Do Terra Magazine, por Ana Cláudia Barros:

Menos de 7% dos novos deputados federais foram eleitos exclusivamente graças aos votos que receberam.
Em números absolutos, significa dizer que, num total de 513, 35 atingiram, sem a ajuda da legenda ou da coligação a que pertencem, o quociente eleitoral, conforme demonstrou levantamento do Departamento Intersindical de Assessoria Parlamentar (Diap).
À primeira vista, a quantidade parece pequena, mas, segundo o analista político, Antônio Augusto de Queiroz, diretor de documentação do Diap, ela pode ser considerada "curiosamente alta".

- Na outra eleição, houve apenas 32 deputados. Esse número de 35 ainda pode subir, porque não está contabilizado o (Paulo) Maluf (PP/SP). É possível que tenha ainda mais um ou dois deputados e, portanto, a média deve ser maior.

Queiroz explica que, no sistema proporcional - adotado para eleger vereadores, deputados estaduais e federais -, são raros os casos em que um candidato consegue sozinho ultrapassar a cláusula de barreira, o quociente eleitoral.

Ele é calculado pela divisão dos votos válidos pelo número de cadeiras disputadas. Definido o quociente eleitoral, é calculado o quociente partidário (proveniente da divisão dos votos válidos de cada legenda ou coligação pelo quociente eleitoral), que estabelecerá quantas vagas cada sigla ou coligação terão direito.

A representação proporcional visa tornar o processo mais democrático, possibilitando que partidos menores consigam espaço no parlamento. Mas, na prática, ela favorece também distorções.

- Você tem como exemplo a Luciana Genro (Psol/RS), que teve mais de 100 mil votos. Ela não se elegeu, porque não atingiu o quociente eleitoral. Ela teve uma votação expressiva, mas, mesmo somando com os colegas dela do Psol, não conseguiu atingir o quociente eleitoral. O colega de partido dela Jean Wyllys, do Rio de Janeiro, com 13 mil votos virou deputado em razão da sobra do Chico Alencar.

Quociente eleitoral 

O quociente eleitoral define os partidos e/ou coligações que têm direito a ocupar as vagas em disputa nas eleições proporcionais, quais sejam: eleições para deputado federal, deputado estadual e vereador.
“Determina-se o quociente eleitoral dividindo-se o número de votos válidos apurados pelo de lugares a preencher em cada circunscrição eleitoral, desprezada a fração se igual ou inferior a meio, equivalente a um, se superior” (Código Eleitoral, art. 106). 

Por Tutuca, 
O quociente eleitoral necessário para eleger um vereador na eleição de 2008 na cidade de Antonina foi algo aproximado a 1100 votos.
Num universo de quase 16 mil votos válidos(colégio eleitoral de Antonina) é quase impossível que um candidato a vereador se eleja somente com os seus votos .

Até partidáriamente falando, atingir os 1100 votos é uma façanha, devido ao grande número de candidatos concorrentes a uma vaga para vereador.

Na  eleição de 2008 o PRTB foi um dos poucos partidos que conseguiu com o seu próprio grupo eleger um vereador, o Vereador Hélio de Freitas Castro (352) ,atingindo um total de 1160 votos,sendo que na coligação contavam ainda mais 2 partidos,o PT que fez uma votação de 720 votos e o PCdoB que fez 208 votos.

Desta coligação, na segunda volta ,saiu ainda mais um vereador no caso vereadora, a candidata pelo PT Margarette Nascimento(317).

 A etapa das filiações, a qual se define por qual partido o pretendente por uma das 9 vagas(até agora) ao legislativo será candidato já foi. O proximo passo agora e não menos importante, é a fase das coligações. É esperar pra ver.

sexta-feira, 14 de outubro de 2011

Programa Especial de Recuperação Fiscal


A Prefeitura de Antonina está iniciando o Programa Especial de Recuperação Fiscal - Refis Municipal, que visa facilitar a quitação,  para todos os que têm dívida ativa com o município.

O Programa, instituído pela Lei 047/2011, destina-se a promover a regularização de créditos tributários e fiscais relativos ao Imposto Sobre Serviços de Qualquer Natureza (ISSQN) ou sobre o Imposto Predial Territorial Urbano (IPTU) vencidos até 31 de dezembro de 2010, constituídos ou denunciados espontaneamente, inscritos em dívida ativa ou não, ajuizados ou não,  mediante parcelamento.

As dívidas poderão ser pagas em até 60 parcelas mensais consecutivas.
E melhor: com descontos que variam de acordo com o parcelamento, de até 90% em pagamento a vista ou de 30% para o pagamento em 60 parcelas (veja a íntegra da lei 047/2011 abaixo).
Para isso, todos os que tiverem dívida com o município devem procurar a prefeitura e fazer a adesão ao programa. A adesão ao programa está condicionada a aceitação plena das condições estabelecidas na Lei 047 de 04 DE OUTUBRO DE 2011
Nos próximos dias, uma ampla campanha de esclarecimento sobre o REFIS Municipal será levada à população por todos os meios publicitários, seja através do rádio, cartazes afixados pela cidade e nos logradouros públicos, banners, nos ônibus, e veículos municipais.

terça-feira, 11 de outubro de 2011

Corpo de Bombeiros do Paraná, 99 anos.


O Corpo de Bombeiros do Paraná completou 99 anos neste final de semana. Uma solenidade de aniversário foi realizada no Quartel Central, em Curitiba, na tarde desta segunda-feira (10).
O evento contou com a presença do prefeito Luciano Dutti, do governador Beto Richa, de secretários estaduais e municipais, vereadores e deputados.
Alguns militares foram promovidos. Outros receberam medalhas pelos serviços prestados.  Fonte Agência de Notícias

Em 20 de outubro de 2009...

O Deputado Alexandre Curi entrega um caminhão de bombeiros para Antonina.

O governador Roberto Requião entregou nesta terça-feira (20) dois caminhões de bombeiros para as cidades de Pontal do Paraná e Antonina, no Litoral do Estado. Os veículos fazem parte de um programa de modernização e renovação da frota do Corpo de Bombeiros, que está levando 31 novas unidades totalmente equipadas a todas as regiões do Estado, para atuações preventivas e combates a incêndios, salvamentos e resgates. “Este caminhão custa R$ 422 mil e não serve apenas para apagar fogo. É um caminhão que socorre acidentes de qualquer natureza, como apoio à Defesa Civil”, explicou Requião.

O comandante do Corpo de Bombeiros do Litoral, major Barros, explica que o caminhão que atua no 2º Grupamento Sub Grupamento de Bombeiros Independentes, em Antonina, roda desde 1976 e, apesar de muito bem conservado, necessitava de manutenção constante. “Com a chegada desta viatura nova, uma das mais modernas do Brasil, poderemos dar uma resposta mais adequada às chamadas de Antonina e região”, disse. Segundo ele, o caminhão antigo continua no apoio aos atendimentos, principalmente nos serviços pré-hospitalares, junto com as ambulâncias do Corpo de Bombeiros.
Participaram da cerimônia de entrega do caminhão ABTR em Antonina o secretário-chefe da Casa Militar, Washington da Rosa, o comandante-geral do Corpo de Bombeiros do Paraná, coronel Jorge Thais Martins e o Deputado estadual Alexandre Curi, além de vereadores dos municípios da região. www.policiamilitar.pr.gov.br

O PRTB/Antonina esteve na ocasião representado pelo vereador Hélio, o hoje Secretário de Agricultura e Meio Ambiente Heleundir Gonçalves e esse que vos escreve.

Por Tutuca,

Aqui vai os meus parabéns a essa valoroza corporação do Estado do Paraná e principalmente aos meus amigos bombeiros aqui de Antonina, Beto, Lídio Braga, Marcos Velloso , Marcos Turíbio , Fábio Broska e tantos outros.

Uma pequena passagem só para termos a idéia do que é a vida desses verdadeiros heróis.

Na ocasião das fortes chuvas de março quando tivemos o bairro Jardim Maria Luiza alagado,como tantos outros , uma situação me chamou a atenção.

Na rua onde  eu moro o caos foi total e as pessoas procuravam da melhor maneira possível se ajudar. Em um certo momento daquela situação a casa do meu vizinho da frente como a minha também, já estava sendo invadida pelas águas ,e aí eu perguntei a proprietária da casa como estava a situação, ela disse que não tinha mais jeito a águá já havia tomado conta e aí eu perguntei onde estava o seu marido e ela respondeu "ele está de serviço". 

O marido desta senhora é o meu amigo Fábio Broska . Bombeiro.

segunda-feira, 10 de outubro de 2011

Crise Mundial, os municípios pagam a conta.


O Paraná.


Corbélia – A sombria previsão da STN (Secretaria do Tesouro Nacional), órgão ligado ao Ministério da Fazenda, de que os repasses de setembro deste ano em comparação a setembro do ano passado referentes ao FPM (Fundo de Participação dos Municípios) sejam 7,3% menores, projeta uma perspectiva pessimista nos municípios oestinos. O FPM é a principal fonte de recursos federais por parte das prefeituras, especialmente as de pequeno e médio portes.
De acordo com levantamento da ONG Transparência Municipal, a previsão de depósito das três parcelas mensais do FPM de setembro para os 50 municípios da região Oeste é de pouco mais de R$ 23 milhões. No entanto, o repasse deveria ser de quase R$ 25 milhões, conforme previsão inicial da própria STN. Essa diferença, que representa R$ 1,7 milhão, é significativa e representa uma evasão de recursos não dimensionada pelas prefeituras, que terão de rever suas contas e se adaptar à nova realidade.
Em relação ao montante do FPM repassado ao longo de 2011, os diagnósticos também são pessimistas. A previsão do governo federal no início do ano era de que a receita repassada aos municípios brasileiros ao longo do ano seria de R$ 59 bilhões, R$ 7 bilhões a mais que no ano passado. No entanto, o governo está acenando que essa receita não vai passar dos R$ 55 bilhões, ou R$ 4 bilhões ao menos do que o previsto.
A maior parte das prefeituras oestinas, 26 ao todo, deverá receber a parcela mínima, de R$ 267 mil. A previsão inicial é de que o valor depositado nas contas seria de R$ 286 mil, R$ 18 mil a menos do que o estimado. Parece pouco, mas é um valor significativo, principalmente para municípios de porte menor.
VALOR É SIGNIFICATIVO
O montante de R$ 1,7 milhão que deixa de entrar nos cofres públicos é significativo para uma região como o Oeste do Paraná. É dinheiro suficiente para a construção de 40 casas populares ou aquisição de 80 veículos básicos, bem como é suficiente para construir dois postos de saúde ou uma escola com capacidade para 300 alunos.
Tendência é de que prefeituras não adotem o meio expediente
Para o prefeito de Corbélia e presidente da Amop (Associação dos Municípios do Oeste do Paraná), Eliezer José Fontana, os prefeitos devem replanejar aquilo que foi definido no início do ano, promover contenção de despesas para fazer frente ao pagamento de décimo terceiro salário ao funcionalismo e adotar outras medidas cabíveis para estancar a evasão de divisas. De acordo com Eliezer, ainda não se fala em adoção de turno único e meio expediente nas prefeituras. “Em conversa com colegas prefeitos, percebi que este ano as medidas serão diferenciadas”, destaca. 

Do Agência de Noticias

Governo federal deve R$ 27,8 bilhões aos municípios 

Segundo o presidente da Confederação Nacional de Municípios, a maior parte se refere a transferências empenhadas aos municípios, mas não efetivadas
Segundo o presidente da Confederação Nacional de Municípios (CNM), Paulo Ziulkoski, a maior parte se refere a transferências empenhadas aos municípios, mas não efetivadas.

— Dos R$ 27,8 bilhões, R$ 21,8 bilhões são empenhos não realizados e cerca de R$ 6 bilhões já liquidados, dependem de pagamento. Esses R$ 21 bilhões são uma expectativa que se tem, já foram feitos os empenhos, foram lançados como restos a pagar, mas agora tem ver até que ponto isso vai ser contingenciado ou não — disse o presidente da CNM.